• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Telemarketing Seg À Sexta
Jornal do Comércio em Porto Alegre - RS

Descrição da Vaga

Telemarketing Seg À Sexta

Descrição

  1. Área e especialização profissional: Telemarketing - Telemarketing / Call Center Ativo
  2. Nível hierárquico: Assistente
  3. Local de trabalho: Porto Alegre, RS
  4. Vendas de assinaturas de jornais...

Exigências

  1. Escolaridade Mínima: Ensino Médio (2º Grau)
  2. Português (Básico)
  • Título da vaga Telemarketing Seg À Sexta
  • Empresa JORNAL DO COMERCIO

Seguir esta empresa
* Jornada Período Integral
* Tipo de contrato Efetivo – CLT
* Salário A combinar
* Localidade Porto Alegre, RS

Leia mais

Avaliações da Jornal do Comércio


Satisfação geral dos funcionários

5.00
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    2.00
  • Cultura da empresa
    5.00
  • Qualidade de vida
    5.00

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 4 meses

    Local tranquilo para trabalhar

    Assistente de Marketing e EventosEx-funcionário, saiu em 2018

    Porto Alegre, RS


    Prós: Um veículo de comunicação renomado, que serve de vitrine para o crescimento. Dependendo da área não tem chances de crescimento, mas a empresa no geral é muito humana. Nuca esquecendo que o profissional tem uma vida fora da empresa.

    Contras: A empresa não oferece vale alimentação. Poucas chances de crescimento, a não ser que troque de setor. Estrutura em algumas áreas precárias e com chances de acidente. Acúmulo de tarefas, devido a algumas demissões.

    Conselhos para presidência: Repensar os benefícios dos funcionários, começando pelo vale alimentação.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 3 anos

    A necessidade é o que leva a execusão deste trabalho

    Assistente Técnico

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: flexibilidade do horário e tranquilidade para trabalhar, não há pressão. Existe liberdade na execução das tarefas

    Contras: Bater ponto na entrada e saída, não paga hora extra, o sistema aqui é de banco de horas. Não existe estimulo ao trabalho, a inovação não é incentivada. Meu setor (centro de documentação) não é considerado essencial e, portanto, é desvalorizado. O local de trabalho é distante e pego muito trânsito. O setor e a empresa são desorganizados e precisam de reforma administrativa. A empresa está em crise financeira, há risco de demissões e falência.

    Conselhos para presidência: Reforma administrativa imediata e investimento na área digital e na comunicação interna.

    Recomenda a empresa: Não