• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Recepcionista
Grupo Ideal Trends em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Recepcionista - Consultório Odonto

Descrição

  1. Área e especialização profissional: Administração - Recepção
  2. Nível hierárquico: Operacional
  3. Número de vagas: 2
  4. Local de trabalho: São Paulo, SP
  5. Recepcionar pacientes de forma cordial;
  6. Atendimento ao público, agendamento de consultas, confirmação de consultas.
  7. Carga Horária - 09:00-18:00 e aos sábados das 08:00-13:00
  8. Experiência - pelo menos 1 ano
  9. 1 para Santana
  10. 1 para Tatuapé

Exigências

  1. Escolaridade Mínima: Ensino Médio (2º Grau)

Benefícios adicionais

  1. Vale-refeição, Vale-transporte
  • Título da vaga Recepcionista - Consultório Odonto
  • Empresa Grupo Ideal Trends

Seguir esta empresa
* Jornada Período Integral
* Tipo de contrato Efetivo – CLT
* Salário A combinar
* Localidade São Paulo, SP

Leia mais

Avaliações da Grupo Ideal Trends


Satisfação geral dos funcionários

4.13
  • Remuneração e benefícios
    3.78
  • Oportunidade de carreira
    4.16
  • Cultura da empresa
    4.16
  • Qualidade de vida
    3.78

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 13 dias

    Vendem um sonho que NÃO existe

    Analista de Marketing

    São Paulo, SP


    Prós: Ambiente descontraido, com aprendizado constante. Perfeito para quem esta começando a carreira e não possui experiência profissional. Eles tentam manter uma cultura bastante agressiva, mesmo não os remunerando os funcionários para isso.

    Contras: Localizão ruim, não possuí restaurantes por perto ou nenhum tipo de comércio; infraestrutura precária, poucos banheiros, cozinha minúscula, uma única pequena geladeira, ar condicionado e internet param de funcionar frequentemente, tudo isso para uma quantidade gigante de funcionários em um mesmo lugar; salários bem abaixo do mercado, mesmo prometendo um sonho de crescimento rápido e falando que são uma empresa que investem em seus funcionários, NÃO CAIAM NESSA, possuem uma cultura de reduzir sempre custos e não irão nunca dar nem o mínimo que o funcionário realmente merece. Se você busca um salário justo, essa não é uma empresa para você.

    Conselhos para presidência: Investir mais na empresa e seus funcionários. Repensem se estão realmente fazendo o que a “cultura”da empresa descreve.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 13 dias

    Bom aprendizado, péssima qualidade de vida.

    Ex-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: Se você quer aprender, é a empresa certa! Há ótimos profissionais que podem contribuir com seu crescimento. Um ambiente, pelo menos na equipe que trabalhei, muito agradável e descontraído.

    Contras: A cultura da empresa é muito forte. Esse não seria um problema se eles não explorassem até a última gota de suor dos colaboradores e deixassem claro que, para crescer lá dentro, é preciso vender sua alma para empresa e abrir mão da sua qualidade de vida. Eles deixam tudo isso nas entrelinhas quando reforçam a cultura o tempo todo, até irritar os funcionários, em vez de motivar. Salário péssimo para uma empresa que exige tanto dos colaboradores, entra com 1200 com a promessa quase nunca cumprida de aumentar. Você cresce na empresa e trabalha TODOS OS SÁBADOS. Não seria um problema se o salário acompanhasse esse crescimento, mas até onde sei, não vale nem um pouco a pena. Horas extra? Você vai fazer e muito, mas não vai receber e o banco de horas não é nada transparente. Tem que ficar no pé do RH para ter um controle. Fora que tem um rolo que você já começa TODO MÊS devendo algumas horas devido uma mudança do sindicato. Já aviso: horário flexível é só na saída. se atrasar meia hora, mesmo que tenham feito 3hs a mais do dia anterior, vão cobrar pontualidade na entrada, mesmo que a maioria - inclusive líderes, diretores - não chegam no horário. "Você lidera pelo exemplo". Se quer aprender, você irá aprender. Mas já se prepara para dores de cabeça com um bando de manipulados que tratam funcionários como máquinas. Os que estão em posições privilegiadas, claro.

    Conselhos para presidência: Vocês trabalham com seres humanos, não máquinas. Você faria o trabalho deles pelo mesmo salário?

    Recomenda a empresa: Não