• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Programador Front-End
Forseti em Guarulhos - SP

Descrição da Vaga

Programador Front-End

Descrição

  1. Área e especialização profissional: Informática, TI, Telecomunicações - Programador / Desenvolvedor
  2. Nível hierárquico: Especialista
  3. Local de trabalho: Guarulhos, SP
  4. para Prestador de Serviço PJ
  5. Elaboração de telas com design responsivo utilizando tecnologias front end, desde html 5, CSS3, Javascript, Ajax, Jquery entre outras, aplicação de conceitos de UX na criação de design de telas e funcionalidades para melhorar a experiência do usuário.

Exigências

  1. Escolaridade Mínima: Ensino Superior
  2. Português (Nativo)
  3. Banco de dados: SQL Server
  4. Programação: C++, CSS, JavaScript, jQuery
  • Título da vaga Programador Front-End
  • Empresa FORSETI TECNOLOGIA

Seguir esta empresa
* Jornada Período Integral
* Tipo de contrato Outros
* Salário A combinar
* Localidade Guarulhos, SP

Leia mais

Avaliações da Forseti


Satisfação geral dos funcionários

3.50
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    3.00
  • Cultura da empresa
    3.50
  • Qualidade de vida
    4.00

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há mais de 1 ano

    Um lugar calmo para trabalhar

    Desenvolvedor Front-end Júnior

    Guarulhos, SP


    Prós: Equipe muito unida e competente, superiores muito próximos e preocupados com os colaboradores, ações internas muito bacanas e incentivadoras.

    Contras: Possui uma cultura de desenvolvimento muito engessada, enquanto o resto do mercado investe em uma cultura de desenvolvimento ágil, tecnologias um tanto quanto desatualizadas.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 21 dias

    Ex-funcionário, saiu em 2018

    Guarulhos, SP


    Prós: Equipe sempre disposta a ajuda e ensinar, possibilidade de ir em eventos tecnologicos bancados pela empresa, plataforma de estudos da Alura liberado para estudos, alguns cursos presenciais pagos pela empresa.

    Contras: Gestão fraca, tecnologias ultrapassadas, falta uma metodologia no desenvolvimento. Remuneração abaixo do mercado, constantes reuniões com assuntos dispersos e pouco produtivas, atividades que pouco tem haver com a função, coisa que deveria ser repensado.

    Conselhos para presidência: Deixar equipe de desenvolvimento cuidar do desenvolvimento, cobrar mais por resultados dos gestores e não aos funcionários diretamente, reuniões de decisão, devem ser feitas por gestores e não por funcionários no seu lugar e cobrar que saiba do que se esta falando sem ter tido um aviso prévio sobre o tema da reunião. Acreditar na capacidade da equipe que tem.

    Recomenda a empresa: Não