• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Oficial Administrativo
Fundação Faculdade de Medicina (FFM) em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Oficial Administrativo

Área de Atuação: Instituto de Reabilitação Lucy Montoro.
Carga horaria: 40hs semanais.
Local de trabalho: São Paulo, região do Morumbi.
Requisitos:
Formação: Cursando Superior em Administração de Empresa (obrigatoriedade de anexar documentação)
Curso concluído de Informática (Pacote Office)
* (obrigatoriedade de anexar documentação)
Conhecimentos desejáveis: na área de compras.
Atribuições: Recebimento de pedidos e pesquisa de mercado. Contato/negociação com o fornecedor, com relação a preços e prazos de pagamento. Recebimento de materiais e conferência de nota fiscal. Montagem de processos para pagamento, inventário/organização de Estoque.
Etapas do Processo Seletivo:
1º etapa:Avaliação de títulos
* análise do currículo e da documentação solicitada
2º etapa:Prova escrita
e/ou
3º etapa:Prova prática
4º etapa:Entrevista
Prazo de inscrição: 18/01/2018 a 24/01/2018.

Leia mais

Avaliações da Fundação Faculdade de Medicina (FFM)


Satisfação geral dos funcionários

3.64
  • Remuneração e benefícios
    2.90
  • Oportunidade de carreira
    2.18
  • Cultura da empresa
    3.28
  • Qualidade de vida
    3.18

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 28 dias

    Tem que evoluir muito

    Funcionário


    Prós: Estabilidade, salário compatível com o do mercado, ambiente de trabalho tranquilo. É dificil fazer um avaliação geral pois a FFM contrata profissionais para diversos setores do Hospital das clinicas.

    Contras: Não há plano de carreira, o vale refeição é muito defasado. Existe um discrepância enorme de salário para funcionários que desempenham a mesma função e não reconhecimento do profissional.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 29 dias

    Muito a melhorar

    Oficial AdministrativoEx-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: Instalações, hotelaria, espaços para colaboradores.

    Contras: Gestão arcaica, abuso de poder, líderes despreparados.

    Conselhos para presidência: Reestruturação organizacional nas áreas administrativas, reciclagem dos líderes, humanização nas relações líderes x colaboradores

    Recomenda a empresa: Não