• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Front End Developer
Movile em Campinas - SP

Descrição da Vaga

Front End Developer

Descrição da vaga

As a Front End Developer , you will provide a first line contact with all principal corporate clients and has a high level of technical complexity.

We are looking for a proactive thinking, hands-on and communicative professional that will be responsible for:
* Development of systems using the best market practices for Front End;
* Development of Single Page Applications interacting with APIs developed in Java or Elixir;
* Development of architectures, evolution and migration of the current platforms;
* Monitor the evolution of products on the market;
* Relationship with teams in Brazil and also based in Latin America.

Requisitos

  • Bachelor in Computer Science or Engineering (in general);
  • Solid knowledge of Angular 4.x (mandatory);
  • Experience with Javascript ES6 and CSS (SASS / LESS) (mandatory);
  • Knowledge in REST APIs, design patterns;
  • Previous experience in Backend is a diferencial;
  • SQL database (mandatory) and NoSQL (desirable);
  • Great interest in innovation, study and application of new technologies;
  • Desirable knowledge of Java and BackEnd applications (desirable);
  • Advanced English is mandatory, Spanish is a differential.

Movile is the place for you if you are:

  • A go-getter who dives into a project to achieve success by problem-solving;
  • Eager to learn and aware that valuable information can come from both positive and negative results through experimentation;
  • Agile and innovative with the tenacity to thrive in a constantly changing environment;
  • Friendly, knowledgeable, and motivational to others;
  • Open to diversity in all shapes and sizes.

Why Movile is a great place to work:

We focus on development and promote growth opportunities;
We offer an innovative environment with amazing people around the world.

Leia mais

Avaliações da Movile


Satisfação geral dos funcionários

3.87
  • Remuneração e benefícios
    3.72
  • Oportunidade de carreira
    3.38
  • Cultura da empresa
    3.90
  • Qualidade de vida
    3.86

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 1 mês

    Flexível, agradável, inspiradora e impactante

    Analista de Planejamento Pleno

    São Paulo, SP


    Prós: Horário flexível, happy hours, plano de saúde bom, benefícios compatíveis com o mercado, auxílio idiomas, oportunidade real de crescimento, ambiente friendly, pessoas educadas e engajadas

    Contras: Deve investir mais em capacitação da liderança, melhorar a preocupação em fazer microgerenciamento de pessoas, com seus resultados e planos.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    UX DesignerEx-funcionário, saiu em 2017

    Campinas, SP


    Prós: O time de RH é muito atuante, a empresa possui vários benefícios, festas, eventos, o bônus quando as metas são atingidas também é muito bom. As pessoas da empresa se comunicam bastante, eventos internos, workshops, dojos são muito incentivados pelos gestores. Datas comemorativas são bem celebradas com happy hours. A empresa abre espaço pra discussões sobre diversidade, vida pessoal etc. Os equipamentos que a empresa oferece também são ótimos. A infraestrutura da empresa é sensacional, uma copa maravilhosa com café da manhã, lanche da tarde, vitamina, suco natural, iogurte. Pode parecer bobo, mas os banheiros também são ótimos!

    Contras: Os pontos negativos são relacionados à gerência dos projetos e à própria natureza dos mesmos. Os projetos vendidos aos clientes eram em sua maioria fruto de "massagear ego interno de diretorias de grandes empresas", o que gerava inúmeras idas e vindas, burocracias desnecessárias. Itens de execução complexa e utilidade questionável eram vendidos ao cliente e adicionados ao escopo do projeto sem consultar o time que iria conduzi-lo e gerencia-lo. Isso tornava os projetos longos, complexos, burocráticos e não sabíamos se eram relevantes ou se seriam usados. Já ocorreu de uma equipe completa de designers, desenvolvedores e gerentes de projeto trabalharem intensamente e com um nível de detalhes considerável durante semanas, para depois descobrir que na verdade o projeto ainda não havia sido vendido ao cliente, e o trabalho feito até então era pra "dar uma adiantada". A empresa tem um excelente pilar apoiado em cultura ágil e lean, mas na prática, muitos gerentes de projeto confundem isso com "fazer a maior quantidade de coisas o mais rápido possível", ao invés de "testar rápido e aprender rápido com os erros". Por fim, percebi diversas intervenções de diretores e gerentes diferentes, de opiniões divergentes, em projetos que acabavam ficando sem rumo definido por conta disso.

    Conselhos para presidência: Contratem e capacitem gerentes de projeto, não vendedores. Os projetos serão mais relevantes, as equipes ficarão mais motivadas. Ao invés de focar em "como vender mais para os clientes", o foco da empresa deveria ser "quais problemas estamos resolvendo no dia a dia das pessoas?"

    Recomenda a empresa: Sim