Love Mondays


Vaga de Consultor Jurídico
Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) em Rio de Janeiro - RJ

Descrição da Vaga

Requisitos:
* Ensino superior completo em Direito;
* Carteira da OAB;
* Experiência em Direito do Consumidor e/ou Civil;
* Fácil acesso à Barra da Tijuca;
* Disponibilidade para trabalho 4h por dia (entre 9h e 18h);
Atividades:
* Atendimento aos consumidores por telefone ou e-mail para sanar dúvidas sobre consumo;
* Redação de notificações extrajudiciais;
* Propor demandas coletivas de consumo.
Local de trabalho: Barra da Tijuca, RJ.
Salário + VT + VR ou VA (R$265,83) + seguro de vida + Plano de Saúde e Odontológico s/ descontos + bônus de férias (a partir das segundas férias) + benefícios de associado.

Leia mais

Avaliações da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste)


Satisfação geral dos funcionários

3.43
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    1.43
  • Cultura da empresa
    2.71
  • Qualidade de vida
    3.71

Recomendam a empresa a um amigo




  • Há 21 dias

    Um bom lugar para trabalhar, porém, o salário não é compatível com o mercado.

    Pesquisador Pleno

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Ambiente de trabalho agradável, flexibilidade de horário, pagamento em dia, qualidade de vida, bons benefícios como planos de saúde e odontológico.

    Contras: Não há plano de carreira, salários são estáticos, local com certa limitação de transporte público, falta de organização e comunicação entre os setores.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 22 dias

    Bom ambiente de trabalho mas sem perspectiva de crescimento profissional

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2017

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Bom ambiente de trabalho. Cursos para treinamento de equipe. Ambiente saudável e equilibrado, com baixa pressão e grande liberdade para desenvolver seu trabalho.

    Contras: Sem perspectiva de crescimento profissional. Muitos chefes desnecessários. Office desatualizado. Falta de planejamento a longo prazo. Estrutura de mensalidades não é sustentável.

    Conselhos para presidência: Mudar a sistema de arrecadação (mensalidades dos associados). Cortar gastos.

    Recomenda a empresa: Sim