• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Client Relationship Manager
99 em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Client Relationship Manager

Client Relationship Manager –

B2B - São Paulo - Full-time

Job description

Reporting to the Head of Digital Channels - B2B, this newly created role is to develop and drive the client engagement strategy of the digital channel of our corporate business.

Your Responsibilities

Define and execute activation and retention activities through several CRM platforms

Development of an ongoing digital engagement strategy for the B2B market, including monthly projection of acquisition metrics such as volumes, costs, and LTV.

Manage the set-up, scheduling, A/B testing for all corporate engagement campaigns

Control subscriber data, segmentation, and import

Build the user journey and ensure continual improvement of metrics via post-campaign reporting and analysis

The Successful Applicant

You are a strong digital marketer with demonstrated experience in driving engagement campaigns and financial targets in the B2B market. You will bring the following skills to the table:

Substantial expertise in CRM marketing within either B2B or B2B2C environment

Solid analytical skills using data to drive campaigns

Business acumen and the capacity to deliver within tight deadlines;

Leia mais

Avaliações da 99


Satisfação geral dos funcionários

3.61
  • Remuneração e benefícios
    3.90
  • Oportunidade de carreira
    3.06
  • Cultura da empresa
    3.83
  • Qualidade de vida
    3.25

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 1 mês

    Empresa incrível... Até você descobrir como ela funciona.

    Analista de RelacionamentoEx-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: Pessoas incríveis e diversificadas. Facilites muito bom, todas as acomodações da empresa são modernas e confortáveis. Remuneração e benefícios excelentes. Sem dress code. Cerveja e bolo às sextas. Boa localização.

    Contras: Depois que foi comprada pela Didi Chuxing (chinesa), o método de trabalho chinês foi implementado, onde somente querem resultados, sem se importar como você chegou naquele número e sem se importar com sua saúde física/psicológica. Isso faz com que o trabalho seja extremamente maçante e muitas vezes frustrante. A experiência do usuário, seja este passageiro ou motorista também é pouco valorizada, e você, como analista de relacionamento, lidará a maior parte do tempo com reclamações de problemas que você não pode resolver e que a empresa não demonstra qualquer intenção de solucionar e quando enfim isso acontece, demora meses. Outro ponto importante a se considerar é que a comunicação entre as areas é um caos, você frequentemente vai ficar sabendo de novidades pelos usuários do aplicativo em linha, ao invés de algum anuncio/boletim da equipe de desenvolvimento ou operações. Se você acha que vai se desenvolver por entrar em uma startup, vá com calma pois aqui quase não há desenvolvimento profissional. Existe um coaching "1:1", feito uma vez por mês pelos gestores onde, com toda a formalidade de um coaching, é dito algo parecido com "você está bem, continue assim" ou "você está mal, alcance o número que definimos em até 15~30 dias se não você será demitido". Sobre plano de carreira, ele não existe. Até existem algumas posições que você pode se deslocar, mas pelo fato de não haver plano de carreira, você não tem perspectiva alguma de quando poderá tentar aplicar para tais posições e o que exatamente você precisa. E quando você finalmente consegue conquistar uma nova posição, a empresa diz que é um "chapéu", uma oportunidade de experiência somente, onde lhe é atribuída diversas novas responsabilidades mas não há qualquer promoção em carteira ou aumento de salário.

    Conselhos para presidência: Volte a se importar genuinamente com as pessoas, o método de trabalho chinês só funciona na China. Crie planos de carreira e invista no desenvolvimento de seus funcionários.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 9 dias

    Startup

    Analista de Safety

    São Paulo, SP


    Prós: Ambiente, roupas, time multicultural. Empresa em destaque no mercado profissional, primeiro unicórnio brasileiro. Gestores reconhecidos no mercado. Adquirida recentemente por uma empresa chinesa.

    Contras: Os pontos negativos são inerentes a ser uma startup e estar crescendo vertiginosamente, muitos processos ainda não foram estabelecidos, e a comunicação se torna cada vez mais difícil com outras áreas.

    Conselhos para presidência: Investir nos colaboradores que já estão na empresa.

    Recomenda a empresa: Sim