Love Mondays


Vaga de Auxiliar Administrativo (temporário)
Grupo Anima Educação em Belo Horizonte - MG

Descrição da Vaga

Auxiliar Administrativo (temporário)

Requisitos necessários:
* Ensino médio completo ou superior cursando;
* Excel intermediário;
* Boa escrita;
* Facilidade para se comunicar presencialmente ou por telefone;
* Gostar e ter facilidade em atendimento ao público.
Atividades a serem desenvolvidas:
* Atendimento dos protocolos relacionados à matricula e rematrícula;
* Processar a rematrícula no sistema SIAF;
* Interface com coordenadores de curso e diversas áreas;
* Realizar ligações telefônicas para alunos;
* Envio de e-mails para áreas internas.
Remuneração:
R$1078,00 + VT + VA ou VR (R$16,80 dia).
Horário de trabalho:
08:12 às 18:00 de segunda a sexta-feira (eventualmente aos sábados, conforme demanda)
Observações:
* Trabalho temporário (60 dias);
* Disponibilidade para início em 02/01/2018 (sem possibilidade de negociação).

Leia mais

Avaliações da Grupo Anima Educação


Satisfação geral dos funcionários

3.18
  • Remuneração e benefícios
    2.89
  • Oportunidade de carreira
    2.89
  • Cultura da empresa
    2.56
  • Qualidade de vida
    3.33

Recomendam a empresa a um amigo




  • Há aproximadamente 1 ano

    Boa empresa

    Analista Pleno

    Belo Horizonte, MG


    Prós: Estacionamento grátis, bolsas de estudos para funcionários, salário compatível com média do mercado, bom lugar para se desenvolver profissionalmente

    Contras: O local de trabalho é em um bairro distante no geral e com muito trânsito. Uma parte do pessoal das universidades são um pouco desqualificados

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 ano

    A empresa te ouvi no dia dia mas não te leva a sério no processo.

    Analista de Sistemas Pleno

    Belo Horizonte, MG


    Prós: Feedbacks trimestrais, preocupação com a opinião do funcionário, código de conduta funcional. A empresa da preferência em suas vagas para os próprios funcionários possibilitando crescimento na empresa.

    Contras: Desorganização e falta de planejamento dos líderes e decisores, onde criam soluções sem pensar na capacidade da equipe de execução. A meritocracia que eles tanto dizem ter não é tão eficaz assim, afinal a maioria dos líderes são amigos ou ex-colegas.

    Conselhos para presidência: Escute quem faz e olhe para baixo antes de pensar em fazer.

    Recomenda a empresa: Não