Love Mondays


Vaga de Analista Programador Pleno
Folha de São Paulo em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista Programador Pleno

A área de Tecnologia da Folha de S.Paulo está contratando programadores PHP. Os requisitos são:
* Experiência em programação LAMP (Linux, Apache, PHP e MySQL);
* Conhecimentos em administração Linux;
* Conhecimentos em aceleração de performance e caching;
* Conhecimentos em Redis, Elastic Search e MongoDB;
* Desejável especialização em um framework PHP de mercado;
* Produção de código limpo, documentado e bem organizado;
* Programação de testes unitários e automatização de testes integrados.
Local de trabalho
* Santa Cecília
* São Paulo
* SP.

Leia mais

Avaliações da Folha de São Paulo


Satisfação geral dos funcionários

3.06
  • Remuneração e benefícios
    3.28
  • Oportunidade de carreira
    2.61
  • Cultura da empresa
    2.94
  • Qualidade de vida
    3.22

Recomendam a empresa a um amigo




  • Há aproximadamente 1 ano

    Funcionário


    Prós: Horários flexíveis, trabalho rotineiro, cobrança de forma moderada isso acaba deixando o ambiente bem mais leve para se trabalhar.Ambiente ótimo para adquirir experiência profissional, dão bastante oportunidade nesse sentido.

    Contras: Ambiente péssimo pessoas não são focadas inclusive os gestores, isso atrapalha as demais áreas. Não se tem trabalho em equipe é cada um por si, ninguém pensa no próximo, só querem resultados.

    Conselhos para presidência: Avaliar melhor o desenvolvimento dos departamentos para que seja possível detectar deficiências e corrigi-las.

  • Há mais de 2 anos

    Deprimente

    Funcionário

    São Paulo, SP


    Prós: Status, glamour, possibilidade de viajar de vez em nunca

    Contras: Administração é obscura e autoritária, funcionário maltratado, benefícios ridículos, carência de aumentos, demissões em massa uma ameaça constante

    Conselhos para presidência: Sejam transparentes e permitam a participação dos competentes jornalistas que trabalham na empresa na administração, se não o negócio vai falir.

    Recomenda a empresa: Não