• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Analista em Operações
BTG Pactual em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista em Operações

Nome do Anúncio:
Analista em Operações

Observações gerais:
Os principais desafios de um analista de Operações: ? Operar diversas informações de produtos, garantindo a custódia e a liquidação das operações proprietárias e de clientes
* Intenso aprendizado para entender o business e buscar alternativas customizadas que tragam eficiência nos fluxos operacionais
* Estar antenado às tendências do mercado, dinâmica, comportamento e regulamentação
* Excelência no atendimento aos clientes internos e externos e na execução dos processos. Perfil desejado: ? Formados nos cursos: Engenharia, Economia, Contabilidade e/ou Administração
* Conhecimentos de Excel e matemática financeira
* Argumentação e raciocínio logico
* Conhecimento/interesse no mercado financeiro
* Identificação com a cultura do BTG Pactual.

Office:
Brasil - São Paulo

Leia mais

Avaliações da BTG Pactual


Satisfação geral dos funcionários

3.66
  • Remuneração e benefícios
    4.07
  • Oportunidade de carreira
    4.04
  • Cultura da empresa
    3.46
  • Qualidade de vida
    2.21

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 8 meses

    Meritocracia e Ownership

    Executive Director

    São Paulo, SP


    Prós: Uma empresa muito horizontal, com acesso fácil e direto aos principais sócios. Ambiente inspirador, onde cada um, desde o início, já se sente dono de uma parte do negócio.

    Contras: A empresa deveria se preocupar mais com os custos elevados que, hoje, não trazem eficiência para a instituição. Existe mais a ser feito em termos de eficiência operacional.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 mês

    Não recomendo

    AnalistaEx-funcionário, saiu em 2015

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Salários alinhados com o mercado, apesar da quantidade de horas extras. Possibilidade de carreira internacional, mas depende dos contatos, não das entregas.

    Contras: Empresa já foi meritocrática, mas hoje em dia a política domina. Os contatos dentro da empresa contam mais que as entregas. O ritmo é puxado e não é possível alinhar vida pessoal e profissional. Muita gente arrogante e muitas vezes não existe respeito profissional e empatia.

    Conselhos para presidência: Melhore a avaliação. A partir de determinado nível a meritocracia não é mais válida e só é reconhecido quem mantém um bom relacionamento com os superiores, independente da entrega.

    Recomenda a empresa: Não