• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Analista de Suporte
Linx em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista de Suporte

Missão/Finalidade do cargo:
Atendimento/Satisfação do cliente.
Prestar suporte aos clientes internos e externos n1 realizando a manutenção de softwares através de atendimento remotamente e via telefônico e garantir a entrega de seus indicadores mensais.
Fazer analises de incidentes
Consultas Banco de dados (Conhecimento Querys SQL)
Suporte ERP/PDV
Pacote Office
Gerenciar fila de chamados
Procurar dar solução definitiva ou de contorno a problemas conhecidos onde a solução não seja conhecida não resulte na solução esperada
Registrar solução adotada na base de conhecimento
Obter do solicitante autorização para fechamento do chamado
Atender em primeiro nível usuários de todo o ambiente
Garantir qualidade no atendimento ao usuário

Leia mais

Avaliações da Linx


Satisfação geral dos funcionários

3.10
  • Remuneração e benefícios
    3.02
  • Oportunidade de carreira
    2.55
  • Cultura da empresa
    2.82
  • Qualidade de vida
    3.05

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 12 dias

    Boa empresa, mas precisa se preocupar mais com os funcionários

    Estagiário de MarketingEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Espaço para aprendizado, oportunidade de trabalhar com novas tecnologias, escritório bem localizado, boa estrutura física, empresa em crescimento

    Contras: Banco de horas, relações de hierarquia precisam ser melhoradas, restaurante da empresa poderia melhorar a qualidade, departamentos não se comunicam 100% bem, salários baixos

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 15 dias

    Porque não trabalhar na Linx

    Analista de Suporte de Sistemas

    Blumenau, SC


    Prós: Não consigo apontar nenhum ponto positivo devido a minha grande insatisfação. Mas sempre tem alguma coisa boa, mas não consigo opinar neste momento.

    Contras: Muita cobrança sem reconhecimento e sem preocupação com a qualidade de vida. Preocupação em apenas entregar metas. Nenhuma ajuda para desenvolvimento e crescimento profissional.

    Conselhos para presidência: Se preocupar mais com o crescimento profissional do funcionário.

    Recomenda a empresa: Não