• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Analista de Sistemas Pleno
Alelo em Barueri - SP

Descrição da Vaga

Analista de Sistemas Pleno

PRÉ-REQUISITOS:
* Formação Superior Completa em Sistemas/Tecnologia da Informação;
* Experiência anterior na área de Sistemas, com metodologia de análise e desenvolvimento de sistemas (UML), programação nas linguagens Java ou .Net e banco de dados (MER, consultas, inclusões e alterações);
* Conhecimentos em ITIL, APF, Webservice (WSDL, Soapui) e é desejável vivência com Cobit.
RESPONSABILIDADES:
* Preservar o correto funcionamento dos sistemas da Alelo, dadas as necessidades de mercado, sugerindo melhorias às áreas de negócios;
* Garantir que a área de negócios abra demandas coerentes frente aos sistemas da Alelo, de forma a utilizar os investimentos de maneira eficiente apoiando os mesmos na definição das DIPs (Documento de Ideia de Projeto);
* Garantir a conclusão dos desenvolvimentos de sistemas e entrega dos projetos, no prazo e custo acordados e com a qualidade esperada, através da aplicação correta das metodologias ALELO;
* Garantir que a melhor solução técnica seja adotada nas definições e desenvolvimentos de sistemas, através de reuniões com os fornecedores de TI e clientes internos para fechar a solução;
* Garantir a utilização correta da verba aprovada para projetos, realizando o controle do orçamento de cada um dos projetos e na resolvendo problemas relacionados aos custos;
* Garantir a conclusão dos projetos no custo, prazo e qualidade acordados através do controle dos riscos identificados com a elaboração e acompanhamento dos planos de ação;
* Manter a companhia informada sobre o Status dos projetos, de forma detalhada, reportando todos os progressos dos mesmos;
* Garantir que os indicadores da área sejam gerados de forma coerente através da atualização corretas das informações dos projetos e alocação nas atividades;
* Contribuir para continuidade dos negócios da Alelo apoiando a área de Sustentação e Produção na solução de incidentes identificados após implantação de projetos.

Leia mais

Avaliações da Alelo


Satisfação geral dos funcionários

4.18
  • Remuneração e benefícios
    4.24
  • Oportunidade de carreira
    3.80
  • Cultura da empresa
    4.28
  • Qualidade de vida
    3.91

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 6 meses

    Clima bom, salário nem tanto

    Analista SêniorEx-funcionário, saiu em 2017

    Barueri, SP


    Prós: Há preocupação da alta liderança em reconhecer e premiar os funcionários que se destacam e em divulgar as boas iniciativas. Assim, há um bom clima para o trabalho em equipe, que é incentivado. O clima mais informal e o ambiente moderno são outros fatores que contribuem para o bom ambiente de trabalho.

    Contras: Os salários da Alelo estao abaixo da média de mercado. A média liderança (coordenadores e gerentes) nem sempre está preparada para fazer a gestão de pessoas, mas há iniciativas da empresa para melhorar este aspecto. Dependendo da área, a carga de trabalho é imensa, pois as equipes são pequenas e muitas vezes há acúmulo de funções.

    Conselhos para presidência: Investimento em treinamento da liderança

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 meses

    Home office fica só no conceito, a prática é vetada pelos gestores.

    Especialista

    Barueri, SP


    Prós: Há oportunidade de aprender e a empresa possui um clima descontraído. O RH tenta, embora sem sucesso, implantar programas que tornem a empresa mais produtiva, inovadora e moderna, como o Anywere Office.

    Contras: Apesar de algumas iniciativas serem muito boas como anywere house, Os gestoras não acatam e os programas ficam apenas no conceito, sem efeito prático no time. Os gestoras tem mais poder que os programas do RH, não existe a quem recorrer, RH tímido e pouco acolhedor.

    Conselhos para presidência: O RH intimida, não temos mais canal de ouvidoria interna. A empresa se vende como inovadora e moderna para o mercado, mas internamente é autoritária e arcaica na gestao, os programas da empresa como Anywere Office são vetados ou restringidos pelos gestores que possuem mais autoridade que o RH. A antiga presidência agia rápida e energicamente frente as insatisfações dos funcionários, a atual sequer se mostra interessada a ouvir.

    Recomenda a empresa: Sim