• Vagas
  • Empresas
  • Salários
  • Entrevistas

Vaga de Analista De Projetos De Ti
Isban Brasil em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista De Projetos De Ti - Crm, Canais, Marketing Digital

Descrição

  1. Área e especialização profissional: Informática, TI, Telecomunicações - TI
  2. Nível hierárquico: Analista
  3. Local de trabalho: São Paulo, SP
  4. Experiência de pelo menos 2 anos em projetos de CRM, Canais, Marketing Digital
  5. Experiência de pelo menos 1 ano em metodologia Agile/ SCRUM e Waterfall
  6. Experiência de pelo menos 2 anos em customizações na Plataforma CRM Watson da IBM (Marketing Operation, Campaign, Marketing Optimization, Interact e Marketing Cloud)
  7. Conhecimento avançado em DB2
  8. Formação: Engenharia, Ciências da Computação, Tecnologia da Informação.
  9. De preferência:
  10. Já ter trabalhado com Design Thinking
  11. Inglês e espanhol Avançado

Exigências

  1. Escolaridade Mínima: Ensino Superior
  2. Inglês (Avançado), Espanhol (Avançado)
  • Título da vaga Analista De Projetos De Ti - Crm, Canais, Marketing Digital
  • Empresa SANTANDER TECNOLOGIA

Seguir esta empresa
* Jornada Período Integral
* Tipo de contrato Efetivo – CLT
* Salário A combinar
* Localidade São Paulo, SP

Leia mais

Avaliações da Isban Brasil


Satisfação geral dos funcionários

3.43
  • Remuneração e benefícios
    3.86
  • Oportunidade de carreira
    3.00
  • Cultura da empresa
    2.86
  • Qualidade de vida
    2.86

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 3 meses

    Ex-funcionário, saiu em 2010


    Prós: Salário compatível com o mercado de T.I Beneficios de Bancários Instalações da empresa são boas de uma forma geral Help Desk rápido

    Contras: Ambiente de trabalho pesado, nada que é feito está bom ou é suficiente, não há cooperação entre os times de desenvolvimento, e existem muitas panelas que tornam o e upgrade dos cargos impossível, porque a gestão da área privilegia apenas quem é amigo do chefe.. A equipe de RH é muito junior, muito marketing poucas e ações efetivas, e a gestão é fraca e muito diferente da realizada no Banco.

    Conselhos para presidência: Avaliar mais de perto o trabalho dos gestores nas áreas para entender quem realmente contribui com a empresa e usar isto como direcionador para upgrades de cargos e salários, pois os times costumavam combinar o "discurso das avaliações de desempenho" para garantir o lugar ao sol e a empatia da gerencia.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 3 anos

    Bonitinha mas ordinária

    Funcionário

    São Paulo, SP


    Prós: É uma empresa de renome, de médio/grande porte e global.

    Contras: Burocrática, lenta, usa a gestão por conflito, alta carga de trabalho, não há liberdade para expor as idéias, falta de diálogo, líderes e gerentes mal treinados, desrespeito, pressão, não há plano de carreira, somente há produtividade porque burlamos as regras e somos cobrados por isso.

    Conselhos para presidência: Olhem para quem faz a "coisa" acontecer, deem suporte para essas pessoas, sejam mais humanos, diminuam a burocracia, a metodologia criada engessou a empresa, somos caros para o cliente, acabem com as intrigas entre as áreas e as empresas irmãs.

    Recomenda a empresa: Não