• Vagas
  • Empresas
  • Salários
  • Entrevistas

Vaga de Analista de Mídia Online
Infracommerce em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista de Mídia Online

Planejamento de mídia, elaboração de relatórios e atendimento ao cliente. Colaborar na integração de todas as frentes da agência em parceria com as demais coordenações (SEO, Design, UX, CRM, BI e conteúdo) atendendo clientes como Ray-ban, Oakley, New Balance, Diageo, JBL, Jansport, Diesel, entre outros.
Experiência com Google, social Ads, afiliados e mídia programática. Ser dinâmico, analítico, criativo, empreendedor e articulado. Diferencial experiência com SEO, CRM ou coordenação de equipes.
Local de trabalho: Vila Olímpia/ZS. Remuneração (R$3mil) + benefícios sem desconto em folha (VR R$600/mês, VT, AM, AO, Seguro de vida, Aux creche).

Leia mais

Avaliações da Infracommerce


Satisfação geral dos funcionários

3.69
  • Remuneração e benefícios
    3.90
  • Oportunidade de carreira
    3.33
  • Cultura da empresa
    3.60
  • Qualidade de vida
    3.65

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 24 dias

    Empresa fora da caixa, sensacional!!

    Analista Sênior

    São Paulo, SP


    Prós: Empresa despojada, clima muito leve e descontraído, pessoas excelentes, pacote de benefícios sem desconto, salário compatível com o mercado e oportunidades de crescimento.

    Contras: Na minha opinião, falta uma PLR. Pelo tamanho da empresa e quantidade de clientes, uma PLR seria realmente um benefício justo. Neste primeiro momento é só isso.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 mês

    Uma grande empresa que ainda pensa como pequena.

    Analista de Sistemas

    São Paulo, SP


    Prós: Falando da área de TI, existem muitas oportunidades de aprendizado na empresa. As pessoas se ajudam, as equipes trabalham em sinergia e ninguém se nega a responder uma dúvida. É uma empresa formada por pessoas jovens, mas com vontade e conhecimento para transformar.

    Contras: É uma empresa que nasceu como startup e cresceu muito rápido. Porém, foi um crescimento desordenado. Não existe documentação alguma dos sistemas desenvolvidos, os processos de trabalho são definidos e alterados quase que mensalmente, o RH não faz um trabalho de retenção de pessoas, não existe um plano de carreira, os salários são defasados e as mudanças, em todos os aspectos, são constantes. Espera-se que com a entrada do diretor de TI, alguns desses pontos melhorem.

    Conselhos para presidência: Quando eu entrei na empresa, na integração não foi dita muita coisa relevante. Foram apontados alguns benefícios e foi falado um pouco sobre o que a empresa faz. No entanto, não foi dito nada sobre processos de trabalho, sobre a história da empresa, sobre a equipe na qual eu iria iniciar e nem sobre o CEO da empresa. Eu fiquei conhecendo quem era o CEO após quase 1 mês após o início. Além disso, é importante ter um programa de reconhecimento de talentos, de retenção dos funcionários, para que as pessoas parem de pensar em ficar algum tempo apenas para ganhar conhecimento e saírem por um salário melhor. Os funcionários que saem levam consigo conhecimento da plataforma. E isso é importante para uma trabalho de continuidade. Benefícios são legais, o clima de trabalho é legal, mas funcionário feliz de verdade, é funcionário com dinheiro no bolso.

    Recomenda a empresa: Não