• Vagas
  • Empresas
  • Salários
  • Entrevistas

Vaga de Analista de Mídia de Performance
Zoly em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista de Mídia de Performance

DESCRIÇÃO

  • Planejamento e estruturação de campanhas Google/Facebook;
  • Controle de budget entre canais e campanhas;
  • Otimizações diárias;
  • Experiência em campanhas com foco em ROI, CPA, CPL, CPI;
  • Elaboração e apresentação de reports semanais/mensais;
  • Reuniões com clientes;
  • Buscar oportunidades e solicitar propostas com veículos.

REQUISITOS

  • Google adwords - search, shopping, display, remarketing
  • Facebook/instagram ads
  • Google analytics
Leia mais

Avaliações da Zoly


Satisfação geral dos funcionários

1.60
  • Remuneração e benefícios
    1.80
  • Oportunidade de carreira
    1.40
  • Cultura da empresa
    1.20
  • Qualidade de vida
    1.60

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 2 meses

    Não há motivação

    GestorEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: Donos preocupados em se posicionar melhor no mercado, ambiente descontraído, colegas unidos. Clientes grandes e oportunidades para aprendizado.

    Contras: Falta de investimento faz com que as áreas seja muito pequenas e um profissional é obrigado a desempenhar funções que não tem nada a ver com as dele. Salário baixo, sem incentivos, somente cobrança

    Conselhos para presidência: Somente pessoas podem fazer uma empresa brilhar, portanto valorizem seus funcionários

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 3 meses

    Nao recomendo.

    Ex-funcionário, saiu em 2018


    Prós: Ambiente descontraído e benefícios estavam melhorando, do lado do metro. N

    Contras: Ambiente extremamente desmotivador, desorganizado, todos a minha volta estavam insatisfeitos, salário baixo, não há hierarquia. Os sócios da agência interferem em tudo e o colaborador fica sem voz. Os profissionais da casa, que trabalham 10-12 horas por dia, não são valorizados e trazem gente de fora. Se vc não trabalha mais do que seu horário vc nao é visto, a cultura é trabalhar quantas horas for preciso pra ver o cliente feliz, funcionários sobrecarregados e não há hora extra. A empresa não fornece cursos, palestras, nada, é cada um por si. Nao há uma troca mútua, é só o colaborador dando o tempo todo. Se está em busca de crescimento profissional lá não é o lugar, se está no começo de carreira pode ser bom.

    Conselhos para presidência: Valorizar mais os funcionários que tem, mas valorizar de verdade. Incentivando, ensinando, motivando, ajudando, dando visão de futuro. E investir em conhecimento para dentro de casa.

    Recomenda a empresa: Não