• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Analista de Facilities e Recepção
Empiricus em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista de Facilities e Recepção

A fim de se juntar a um time de alta performance?

A Empiricus é uma casa independente de análises financeiras. Enviamos recomendações sobre investimentos para que nossos clientes apliquem seu dinheiro da melhor forma possível.

Trabalhando como Analista de Facilities e Recepção , você irá trabalhar na recepção atendendo as demandas diárias, compras, contato diretamente aos sócios e com muita oportunidade de desenvolvimento.

Será exigida experiência na área a partir de dois anos, com conhecimento em rotinas administrativas, atendimento pessoal e telefônico, compras, excel intermediário/avançado e inglês intermediário.

Se você gosta de aprender, quer trabalhar num ambiente dinâmico, inovador e está afim de fazer parte de uma empresa que cresce, cheia de oportunidades, se candidate.

Leia mais

Avaliações da Empiricus


Satisfação geral dos funcionários

4.45
  • Remuneração e benefícios
    4.32
  • Oportunidade de carreira
    4.20
  • Cultura da empresa
    4.25
  • Qualidade de vida
    4.25

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há mais de 1 ano

    Hostil, falsa meritocracia

    Funcionário

    São Paulo, SP


    Prós: A empresa tem bons benefícios, VT, VR e convênio. Como é novo e está crescendo, tem muito dinheiro rolando. Não falta material no escritório.

    Contras: Estimulam a competitividade de um jeito que prejudica a empresa e os funcionários. É hostil. Trabalham demais e não pagam hora extra. Muitos líderes são imaturos e não preparados.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    Falta de gestão

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: Ambiente de trababalho é agradável. Gestores são bem acessíveis. Em geral, é fácil interagir com pessoas de diferentes áreas da empresa. VR e plano médico são grandes diferenciais. Horários flexíveis dependendo da área

    Contras: Cabeça do management é de dono, não de sócio. Levando em consideração o nível técnico do trabalho feito, bonus fica muito (muito) longe da realidade de qualquer bom banco/gestora, embora fixo seja ok. Definitivamente não há liderança clara, ou qualquer perspectiva de melhora nesse sentido.Até mesmo entre os estagiários é nítido. Falta de motivação e perpesctiva. Não existe comunicação interna eficiente (recados, como feriados, desligamentos, dentre outros, não chegam).

    Conselhos para presidência: Com certeza vocês já ouvem muita coisa, mas a comunicação é tão ruim que ninguém sabe se algo está mudando

    Recomenda a empresa: Não