• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Vaga de Analista de DBM Pleno
Pernambucanas em São Paulo - SP

Descrição da Vaga

Analista de DBM Pleno

Atividades:
Irá atuar na área de produtos financeiros.
Responsável pela segmentação de base de clientes para comunicação dirigida, análise de campanhas, desenvolvimento e atualização de modelos de propensão (vendas e cancelamento).
Requisitos:
Superior completo em Administração, Engenharia, Economia, Matemática, Estatística ou áreas correlatas.
Possuir capacidade analítica e foco em resultados.
Bom relacionamento para interagir com as áreas parceiras.
Conhecimentos em SAS (modelo de gestão de campanhas), BI, Access e Excel, desejável nível avançado.
Local de trabalho: São Paulo (metrô Paulista).

Leia mais

Avaliações da Pernambucanas


Satisfação geral dos funcionários

3.89
  • Remuneração e benefícios
    3.68
  • Oportunidade de carreira
    3.17
  • Cultura da empresa
    3.79
  • Qualidade de vida
    3.25

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 18 dias

    Empresa Familiar e que respeita o funcionário

    Vendedor de Veículos - Uberlândia

    São Paulo, SP


    Prós: Valoriza os funcionários. É honesta com os colaboradores e clientes. Oferece bastante oportunidade de crescimento, só não cresce na empresa quem não quer.

    Contras: Não tenho o que reclamar, a empresa entrega aquilo que foi combinado com o funcionário. Talvez poderia melhorar um pouco no salário mas paga a média que o mercado paga.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 28 dias

    Falta de liderança

    Estagiário de Desenvolvimento de ProdutoEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: Os principais são: oportunidade de crescimento, gerar contato com outras empresas (terceirizados) e participação em eventos. Além de que, caindo na equipe certa, há muita troca genuína de conhecimento.

    Contras: Infelizmente, na equipe em que trabalhei, apenas uma pessoa sabia liderar enquanto outras duas eram apenas "chefes". Acho que a empresa poderia oferecer cursos de liderança para determinados cargos, para que toda a equipe flua de forma leve e colaborativa. Havia muita falta de comunicação e empatia no ensinar, fora o bate-papo sobre vida pessoal na maior parte do dia, que incomoda e prejudica o crescimento da equipe. Outro ponto, na época, a empresa oferecia o almoço em refeitório próprio ao invés do VR: a comida deixava MUITO a desejar e na maioria dos dias comer ovo foi a única saída.

    Recomenda a empresa: Sim