Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Universidade Metodista de São Paulo?

51 postagens (7 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.14
  • Remuneração e benefícios
    2.71
  • Oportunidade de carreira
    2.43
  • Cultura da empresa
    3.00
  • Qualidade de vida
    3.71

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há mais de 2 anos

    péssima empresa

    Funcionário


    Prós: A bolsa de estudos para funcionários

    Contras: Remuneração baixa Cargos de coordenação somente para os metodistas Exigências demasiadas Sem benefícios Atividades muito alem das atribuições do cargo Não há plano de carreira

    Conselhos para presidência: Olhar com atenção os funcionários e suas atribuições Melhorar os salários E dar benefícios

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Uma universidade que já foi boa, mas que perdeu a identidade.

    Docente


    Prós: Excelente espaço físico, bem cuidado e mantido.

    Contras: cultura de exploração de docentes, falta de identidade da cultura organizacional, gestão pouco acadêmica e falta de definição clara de sua identidade.

    Conselhos para presidência: Uma universidade "vende" educação e , se confessional, sobrevive primando pela qualidade. Não pode , para sobreviver, querer igualar-se às instituições privadas (comerciais e de péssima qualidade) sob pena de perder-se de si mesma!

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Auxiliar

    São Paulo, SP


    Prós: Oferece bolsa de estudos de 100% para funcionários

    Contras: Não oferece benefícios, para alguem quer terminou os estudos apenas conta com o salário. Não oferece plano de carreira, não tem um crescimento profissional na instituição.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Fuja...

    Professor

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: Lugar bacana, boas pessoas trabalham lá.

    Contras: Baixo salário, chefias completamente despreparadas, falta de reconhecimento, nenhum benefício e os caras ainda se gabam de pagar o salário em dia. A mensagem é a seguinte: "se você acha que está ruim aqui, vai pra fora pra ver".

    Conselhos para presidência: Aposente-se e dê lugar para alguém com visão.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 9 meses

    Tem muito potencial, mas é pouco explorado

    Coordenador de MarketingEx-funcionário, saiu em 2013

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: O ambiente dentro da universidade é bastante agradável. O horário de trabalho é cumprido, sem que haja necessidade de hora extra. Além disso, alguns serviços são oferecidos dentro do campus.

    Contras: Funcionários não recebem qualquer tipo de incentivo / bolsa para estudos (graduação, pós, mestrado ou idiomas) Não há oportunidade de crescimento Pouco espaço para inovação.

    Conselhos para presidência: Os funcionários são bem qualificados, e geralmente possuem observações e propostas de trabalho / projetos nos quais deveriam ser ouvidos e / ou levados em consideração.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Ruim

    Técnico de Informática

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: O ambiente de trabalho e o aprendizado.

    Contras: Não há nenhum benefício adicional.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Funcionário


    Prós: Possibilidade de bolsa de estudo tanto para os funcionários como para os dependentes

    Contras: Não valoriza seus funcionários

  • Há mais de 2 anos

    A empresa é boa, mas depende do setor... Eu dei azar!!!

    Professor

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: O ambiente de trabalho é agradável, com localização, funcionários e colegas fazendo parte do ponto positivo. Oferece bolsa de estudos para funcionários.

    Contras: Na Universidade/Colégio há vários setores e tipos de cargo, seja TI, ADM, docência, RH, higiene ambiental, etc... Na docência, a qualidade da empresa e do trabalho depende especificamente da faculdade/coordenador/equipe gestora. O setor em que trabalho como docente é pouco desafiador, equipe gestora não se comunica e não se entende; regras, datas e processos mudam do dia para a noite. Muito trabalho pra casa!!! Não pagam os docentes segundo um plano de carreira justo: professores com mesmo título e desempenhando a mesma função recebem salários diferentes (há colegas que foram admitidos recentemente cujo salário hora/aula é maior que o de outros docentes empregados a mais tempo). A empresa é grande e deve ter muitas oportunidades em outros setores, que podem ser ótimos de se trabalhar, mas onde trabalho... é uma BAGUNÇA!!!!

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Metodista já era

    Professor

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: O passado da empresa, quando era mais universidade e menos empresa. A concessão de bolsas de estudo para funcionários, embora boa parte do valor seja, na verdade e de forma camuflada, descontada mediante baixos salários. Não fossem as bolsas, acho que dificilmente conseguiriam funcionários nos cargos em que efetivamente se trabalha.

    Contras: A mudança de orientação, que busca o lucro baixando os custos. O resultado é a queda na qualidade do ensino e deterioração das condições de trabalho. Classes com número excessivo de alunos, grade curricular simplificada e enxugada ao máximo. Fechamento de cursos que não permitem os lucros esperados. Mudança no plano de carreira dos professores, com brutal achatamento de salários e, mesmo assim, protelam a ascensão na carreira. Salário inicial perdura por longo tempo, tornou-se indigno e tem praticamente impedido a contratação de professores. Professores antigos, com salário digno, são demitidos à medida que os cursos são fechados ou enxugados. Queda na qualidade dos benefícios sociais. Autoritarismo na sua pior face, a camuflada de democracia. Escasso reconhecimento dos professores e funcionários dedicados e alguma predileção por oportunistas com habilidades para "escalar" ou por fracos dados à obediência cega, o que condena mais ainda à queda da qualidade. Em alguns cursos, constituição de feudos no corpo docente, muitas vezes de egressos de instituições de fraca qualidade. Os "alvos" que poderiam limitar gastos sem comprometer a qualidade (talvez melhorá-la), como funcionários/professores ociosos, departamentos / cursos inchados, permanecem intocados.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    muito potencial para pouca qualidade profissional

    Analista de Infraestrutura Sênior

    São Bernardo do Campo, SP


    Prós: Ambiente de trabalho, grupo de trabalho e Localidade.

    Contras: Falta de clareza, poucos benefícios, falta de profissionais nos cargos altos e de definição.

    Conselhos para presidência: Clareza nas informações e honestidade junto a mão de obra adm.

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Universidade Metodista de São Paulo

Descrição:A Universidade Metodista de São Paulo (UMESP) é uma instituição privada de ensino superior brasileira localizada nas cidades de São Bernardo do Campo e São Paulo, estado de São Paulo.

A UMESP teve início em 1938, com a implantação da faculdade de Teologia da Igreja Metodista em São Bernardo do Campo. Na época, a Igreja Metodista acabara de fundir dois centros de ensino teológico, localizados em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul. Era de seu interesse que o curso superior recém-criado - o primeiro instalado no município de São Bernardo do Campo - estivesse presente numa região que se configurava como um dos principais centros das transformações sociais, políticas e econômicas do país. Em 1970, foi criado o Instituto Metodista de Ensino Superior, também conhecido como IMS.

Site

RH: quer atrair bons talentos?