Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE)

3.67

Como é trabalhar na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE)?

9 postagens (3 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.67
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    3.33
  • Cultura da empresa
    3.67
  • Qualidade de vida
    4.33

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 1 mês

    aprendizado

    EstágioEx-funcionário, saiu em 2015

    Recife, PE


    Prós: ambiente acolhedor, era um tipo de estágio conciliado a atividades relacionadas ao curso superior que estava sendo cursando, aprendi bastante coisa.

    Contras: o trabalho era feito no laboratório licmat as vezes não tinha o que fazer e faltava um pouco de interesse dos alunos em buscar as atividades realizadas no laboratório

    Conselhos para presidência: como toda a empresa existem pontos positivos e negativos, mas de forma geral a rural é uma ótima universidade

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Excelente clima de trabalho, porém não seria um emprego definitivo.

    Funcionário

    Recife, PE


    Prós: Clima de trabalho harmonioso. Gestores geralmente atenciosos e dispostos a ensinar. Instituição que incentiva a capacitação dos seus funcionários.

    Contras: Plano de cargos e carreiras pouco atrativo, com baixos valores de funções gratificadas e cargos de direção. Poucas opções de transporte público, vias engarrafadas em horários de pico.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 10 meses

    Estágio na universidade

    Estagiário


    Prós: Estagio dentro da universidade, então tenho certa comodidade de não precisar me deslocar para outros locais e pagar passagens a mais. Além de ser mais fácil acesso a alimentação.

    Contras: O conforto pode te acomodar. E a bolsa não tem valor satisfatório comparado a outros tipos de bolsas cursos de outras universidade, por exemplo cursos mais voltados à área tecnológica, entre outros.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Muito bom

    Estagiário de Direito

    Recife, PE


    Prós: A pertinência das atividades com os conhecimentos da graduação pemitem um desenvolvimento das habilidades técnicas jurídicas, bem como assessorar diretamente um profissional da minha área de conhecimento.

    Contras: Na minha posição de estagiária, não vi pontos negativos. O valor da bolsa, pode ser considerado, por ser um valor abaixo do mercado, porém, nesse ponto, não há discricionariedade do Administrador em me conceder valor maior.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Avaliação

    Diretor Administrativo

    Recife, PE


    Prós: O clima organizacional. A estabilidade. A autonomia. A previsibilidade

    Contras: Remuneração pouco atrativa, vinculada a políticas governamentais.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Bom

    BolsistaEx-funcionário, saiu em 2014

    Recife, PE


    Prós: Muito boa a convivência com funcionários, horários podem ser flexibilizados

    Contras: Remuneração baixa, não há possibilidade de se evoluir dentro do quadro da empresa, por ser órgão público

    Conselhos para presidência: Valorizar mais estagiários e fornecer bom plano de carreira

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 2 anos

    Ótimo ambiente

    Bolsista de GraduaçãoEx-funcionário, saiu em 2015

    Garanhuns, PE


    Prós: Ambiente de trabalho e flexibilidade.

    Contras: Remuneração baixa e infraestrutura.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 2 anos

    Bom

    Professor


    Prós: Oportunidade de ser professor e ajudar os alunos.

    Contras: A organização precisa de muitas melhorias.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 anos

    Má gestão dos recursos humanos da instituição

    Assistente em Administração

    Recife, PE


    Prós: Estabilidade, Ar puro. .... ....

    Contras: Não há meritocracia; Os servidores técnicos são considerados pelos servidores docentes como seus subordinados e inferiores e isso é reiterado pela cultura organizacional; Não há uma gestão por competências: pessoas de diversas formações são colocadas em setores dispares; Não há mobilidade nos setores: se um servidor se sente mal num setor ou é convidado para outro setor ele não é liberado de jeito nenhum a menos que o seu chefe imediato queira liberá-lo e infelizmente essa liberação é muito rara e acontece com servidores menos competentes. Não há um cuidado com a qualidade de vida dos servidores, as relações interpessoais nos setores, o que torna o ambiente de trabalho desagradável. Os chefes de departamento e setores são escolhidos com bases em eleições sem ter a menor afinidade com a gestão e resolvem as atribuições e os imbroglios do cotidiano como se fossem questões domésticas.

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE)
RH: quer atrair bons talentos?