Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)?

160 postagens (33 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.82
  • Remuneração e benefícios
    2.84
  • Oportunidade de carreira
    3.26
  • Cultura da empresa
    3.19
  • Qualidade de vida
    3.77

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há quase 3 anos

    A UFRJ hoje

    Professor Assistente

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Para quem trabalhou em empresas privadas durante 9 anos, onde você não era valorizado por mais que estudasse e se capacitasse a UFRJ foi uma grata surpresa. Logo ao entrar meus cursos e meu mestrado foram valorizados não só financeiramente como na prática. Pois fui convidado a participar de projetos relacionados a minha área e aprendi muito com isso. Há respeito pelo profissional (menos, explicarei na resposta abaixo) e ser humano (mais) na maioria das vezes. A UFRJ faz um funcionário crescer (se assim ele quiser) em vários sentidos. É um local voltado para o crescimento social e econômico do nosso país e que, em geral, observa o funcionário como parte dessa sociedade.

    Contras: São poucos. Mas acho que falta uma valorização ao profissional em relação a infraestrutura. Estão construindo vários prédios novos (o que é excelentes), mas vemos antigos abandonados. Acredito que há um problema de prioridades. Prédios como Letras, Música, dentre outros, mereciam uma grande reforma antes (ou melhor, conjuntamente) da construção de novos. A infraestrutura, banheiros, etc. são péssimos em vários prédios. E com isso o professor, alunos e funcionários não exercem todo seu potencial.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    Bolsista de Pós-Doutorado

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Sou pesquisador na área de ciências biológicas e considero o ambiente acadêmico da UFRJ estimulante com muitas possibilidades de colaboração e flexibilidade e autonomia para trabalhar. A base da remuneração dos professores é boa.

    Contras: A estrutura é precária e apresenta um importante obstáculo para a pesquisa. Porém, nos últimos anos as melhorias foram nótórias e acredito que em poucos anos teremos uma estrutura adequada as necessidades dos pesquisadores da minha área. O ensino de graduação ainda está muito defasado e precisamos criar mecanismos para estimular e desenvolver melhor os alunos. Contudo, acredito que problema seja comum as outras universidades do país. Embora a base da remuneração dos professores seja boa, os benefícios são limitados quando comparados a outras empresas estatais.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 3 anos

    Por hora está bom

    Biologista

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Trabalho com flexibilidade.
    Pouca cobrança chata, daquelas de clássico chefe mala?

    Contras: Salário defasado, progressão de carreira medíocre e aposentadoria ridícula.

    Conselhos para presidência: Querido ministério da educação e presidenta Dilma, olhemos mais para a Universidade pública.
    Nossos salários são muito mais baixos aqui do que em outros setores públicos com o mesmo nível de escolaridade.
    O corpo técnico e docente clama pela valorização da carreira do magistério superior!
    Por um plano de carreira valorizado que estimule os profissionais a não usarem a UFRJ como emprego temporário e sim como o definitivo.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    Insatisfação engessada pelo funcionalismo público

    Assistente Administrativo

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Flexibilidades, mas isso depende da chefia e da natureza das suas atribuições. Alguns docentes, mesmo gozando amplamente desse benefício, não o vêem de forma positiva no que se refere aos servidores técnico-administrativos. O salário é pago religiosamente no primeiro dia útil de cada mês.

    Contras: Dificuldade de relacionamento com os docentes devido a eles serem egocêntricos em sua maioria. Egocentrismo que é amparado pelo regimento. O transporte até o campus e saindo dele é insuficiente e o trânsito nos horários de pico é absurdamente congestionado, tornando a viagem por vezes mais longa do que o tempo no trabalho. No entanto, os que permanecem sem estarem em raras situações privilegiadas, o fazem devido à estabilidade do serviço público e à certeza do salário.

    Conselhos para presidência: Organização de uma Estatuinte, onde pudessem ser mudados os parâmetros que limitam o acesso aos cargos de chefia apenas ao Corpo Docente Superior. Os professores/pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro, nem sempre têm características administrativas suficientes para assumir os cargos que lhes são exclusivos, como Diretor de unidade, Diretor de Centro, Pró-Reitor ou Reitor.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    UFRJ

    Assistente Administrativo

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Ter estabilidade
    dentro do mercado bom salario razoavel para quem trabalha e otimo para quem finge que trabalha

    Contras: Falta muita coisa para dar uma assistencia digna ao cliente
    sucateamento
    remuneração baixa em vista de outros ministerios

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    Boa, mas sem investimento do governo na educação, a Universidade Pública poderá ruir em breve.

    Professor Adjunto

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Amo o que faço. Gosto dos meus colegas de trabalho e do Curso para o qual leciono. Tenho liberdade para conduzir a formação de meus estudantes. Tenho orgulho de trabalhar na instituição que me deu formação e é uma das mais respeitadas do país.

    Contras: Burocracia demasiada, falta de infra estrutura como sala de aula equipada, banheiros razoáveis (falta até material de consumo mínimo), sala de pesquisa e laboratório, biblioteca.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Satisfatório

    Bolsista de Doutorado

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Recursos em pesquisa são relativamente abundantes, bons colaboradores, excelentes docentes e organização dos programas de pós é satisfatória.

    Contras: Há pouco incentivo monetário para manutenção adequada do ambiente de trabalho, compra de materiais e equipamentos em pesquisa e desenvolvimento.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    De forma geral, é bom trabalhar na UFRJ, como monitor.

    Monitor de Matemática

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: De certa forma, são flexíveis com horários. Não há tanto rigor na exigência de uma agenda fixa. Não sou punido caso não possa comparecer em alguma data.

    Contras: Pela carga horária que deve ser realizada a remuneração é bem baixa, no entanto há casos em que não se cumpre a carga horária requisitada, o que é injusto em alguns casos.

    Conselhos para presidência: Fazer jus ao trabalho dos monitores com um salário mais realista.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Iniciação Científica - UFRJ

    Bolsista de Iniciação Científica

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Baixa carga horária aliada a muita flexibilidade; uma curva de aprendizado enorme e aplicação prática da teoria aprendida em sala de aula.

    Contras: Baixa remuneração, o que às vezes pode justificar uma certa ociosidade ou um desânimo para com a função desempenhada.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Há pontos bons e ruins

    Bolsista de Iniciação Científica

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Aprendizagem com relação a técnicas de laboratório e aprofundamento nas áreas de interesse do curso.

    Contras: Bolsa relativamente baixa que não da para fazer muita coisa, ainda mais quando se vive numa cidade cara como o Rio de Janeiro.

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Descrição:A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) é a maior universidade federal do país e um dos centros brasileiros de excelência no ensino e pesquisa.

Em termos de produção científica, artística e cultural, é reconhecida nacional e internacionalmente, mercê do desempenho dos pesquisadores e das avaliações levadas a efeito por agências externas. Em 2015 o QS World University Rankings classificou a UFRJ como a melhor universidade federal brasileira, bem como a terceira melhor universidade do país, a quinta entre as instituições da América Latina e a 25ª melhor instituição universitária dos BRICS e de outros países em desenvolvimento. O Ranking Universitário Folha de S. Paulo de 2015 também a classificou como a segunda melhor universidade brasileira e como a melhor federal do país.

Site

RH: quer atrair bons talentos?