Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Twiser?

3 postagens (2 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

2.50
  • Remuneração e benefícios
    2.50
  • Oportunidade de carreira
    1.50
  • Cultura da empresa
    1.50
  • Qualidade de vida
    1.50

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 8 meses

    Bom para entrar no mercado

    Programador I

    Sorocaba, SP


    Prós: A oportunidade de trabalho é ótima, conhecer novos profissionais é sempre bom, a estrutura é bom em partes e a internet é boa as vezes, basicamente isso.

    Contras: A carga de trabalho em cima de um único profissional é enorme, fazem com que um profissional faça o trabalho de 2 e exigem prazos impossiveis.

    Conselhos para presidência: Valorizar os funcionários enquanto eles estão dispostos a fazer tudo pela empresa

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 5 meses

    Aprendi bastante, mas não tenho vontade de voltar.

    Estagiário de Web DesignEx-funcionário, saiu em 2012

    Sorocaba, SP


    Prós: Aprendizado e desenvolvimento profissional. Evoluí muito minhas tecnicas enquanto eu estava lá, e isso me possibilitou alcançar novos cargos em outras empresas.

    Contras: Ambiente pesado para se trabalhar, com muita fiscalização. O patrão fica entrando na sala e reclamava se você sai no horário normal. Todos trabalham bem cabisbaixos.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Não recomendo trabalhar

    AuxiliarEx-funcionário, saiu em 2011

    Sorocaba, SP


    Prós: Estrutura física das locações, a equipe geralmente é de qualidade e uma oportunidade para quem não tem conhecimento nenhum ter contato com o mercado

    Contras: O quadro societário (ou dono) não tem o menor respeito pelos funcionários, não há bonificação para hoas extras e sempre que possível o dono irá te conduzir a trabalhar mais tarde em supostas reuniões. A saida da empresa pode ser uma experiência péssima quando você tem que lutar pelos seus direitos mais primordiais, isso quando não trabalha como freelancer e o dono decide não pagar. Há registro extenso sobre a má conduta da empresa. Na época a política era registrar os programadores como auxiliares.

    Conselhos para presidência: Primeiro honrar suas obrigações com os funcionarios antigos e recomeçar do zero por essa redenção. Depois começar a respeitar os horários do funcionário, ou deixar explicito o pagamento de horas extras ou o banco de horas. Por último valorizar a equipe pois a presidência tem uma habilidade de vendas incrível trazendo para dentro pessoas ótimas, mas o seu posicionamento a faz perder essa equipe em pouco tempo (desde sempre.)

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Twiser
RH: quer atrair bons talentos?