Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região?

20 postagens (8 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

4.00
  • Remuneração e benefícios
    4.29
  • Oportunidade de carreira
    2.86
  • Cultura da empresa
    3.00
  • Qualidade de vida
    3.43

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 10 meses

    Foi uma otima experiencia

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2015

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Horários flexiveis, boa convivência com outros empregados, foi um bom local para começar no setor administrativo aprendendo a rotida de processos.

    Contras: algumas vezes necessitava de trabalho braçal como carregar muitos processos e distribuir no tribunal inteiro .

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 ano

    nada a declarar

    Estagiário

    Barueri, SP


    Prós: Tudo é bom lá. Quase não trabalho só coço o dia todo é uma maravilha e mto bom biu, tão de parabéns lá mtos anos lá e só fico de boa Mto interessante

    Contras: Nada é super legal trabalhar lá. Eu fico o dia todo descansando pra depois sair e ter um ótimo salário maravilhosomyo bom mesmo tão de parabens

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    "Boa infraestrutura e péssimo ambiente de trabalho..."

    Técnico Judiciário

    São Paulo, SP


    Prós: A Justiça do Trabalho da Segunda Região possui uma infraestrutura de ponta, muito superior em relação a outros órgãos públicos. Os benefícios dados aos funcionários são muito bons.

    Contras: Apesar do excelente salário dos servidores públicos federais lotados na justiça do trabalho da Segunda Região, a defasagem salarial em relação a outros órgão públicos criou um clima de insatisfação geral nos últimos dez anos. Acompanhado de pressão das chefias que fazem de tudo para se manter em cargos comissionados que elevam os salários de carreira, o clima de trabalho tem se tornado insuportável, levando alguns servidores a atitudes extremas e conhecidas na mídia nacional.

    Conselhos para presidência: Investimento em qualidade de vida para os servidores

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Excelente ambiente para aprendizado jurídico.

    Analista Judiciário

    São Paulo, SP


    Prós: A remuneração é acima da média do mercado para um profissional com a mesma qualificação. Possibilidade de flexibilização de horários. Estabilidade.

    Contras: Dificuldade de mobilidade entre diferentes setores e funções. Dificuldade na conquista de reajustes salariais, os quais dependem de lei específica.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 4 meses

    Muto conhecimento orático adquirido

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: Grande experiência e conhecimento prático em processo do trabalho, conhecimento de todo o procedimento pelo qual passa uma ação judicial que tramita na justiça do trabalho.

    Contras: Estágiário não pode fazer todos os serviços no Tribunal, como por exemplo ter acesso ao PJe, assim o estágiário não tem uma aprendizagme completa de todos os serviços do fórum.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 4 meses

    Ótimo órgão, o local de trabalho depende muito da lotação.

    Técnico Judiciário

    São Paulo, SP


    Prós: Estabilidade, muitos locais para trabalhar, pessoas de todo o tipo e de todos os lugares, há desafios intelectuais constantes, contato com público.

    Contras: Não há muitas oportunidades de ascensão na carreiras, tudo depende da indicação para ocupar cargos de confiança e funções de confiança e da liberação do superior hierárquico.

    Conselhos para presidência: A direção precisa se preocupar mais com as pessoa e menos com as metas inatingíveis do CNJ E CSJT

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 5 meses

    Boa empresa para se trabalhar.

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2015

    Vitória, ES


    Prós: Boa remuneração para 4 horas de trabalho. Colegas de trabalho que sempre estão dispostos a ajudar, o setor tinha alguma autonomia para entregar os pedidos e as lideranças confiavam nos funcionários de execução.

    Contras: Sem perspectiva de ser contratado, por ser do setor público. Problemas recorrentes devido a tecnologia arcaica utilizada para processamento de informações internas.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 6 meses

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Bom ambiente de trabalho, flexibilidade com o horário, pode se ter um grande conhecimento,grande conhecimento na fase processual do trabalho ..

    Contras: Se torna rotineiro, por falta de servidor público usam os estagiários para realizar tarefas que não fogem da rotina, Ou que não propicia muito conhecimento.

  • Há 7 meses

    Avaliação do TRT-SP

    Analista Judiciário

    São Paulo, SP


    Prós: Salário, estabilidade (muito importante), possibilidade de trabalhar em diferentes setores, plano de saúde (com participação do tribunal, barateando o valor final que pagamos), etc.

    Contras: Por possuir uma demanda muito grande, tem muuuito trabalho, ainda mais se considerarmos que o tribunal costuma ganhar prêmios em razão dos bons resultados obtidos. Deixou de pagar horas extras.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 ano

    Satisfação.

    Analista Judiciário

    São Paulo, SP


    Prós: Acho um bom lugar para trabalhar, com um salário razoável e com boas perspectivas de crescimento. Para quem deseja ser juiz, é um ótimo começo. O aprendizado também é bem interessante.

    Contras: Como em todo lugar, existem problemas. Existem magistrados mau humorados que destratam servidor, existem servidores que destratam outros e por aí vai. Existem advogados que mal sabem escrever uma petição, e isso dificulta muito o trabalho do servidor. O serviço público não é uma maravilha como muitos pensam. Tem que ser vocacionado.

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região

Descrição:GOVERNO, ONG E ASSOCIAÇÕES

Site

RH: quer atrair bons talentos?