• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Toy Boy?

3 postagens (1 avaliação nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

2.00
  • Remuneração e benefícios
    1.00
  • Oportunidade de carreira
    1.00
  • Cultura da empresa
    1.00
  • Qualidade de vida
    1.00

Recomendam a empresa a um amigo


  • Há 9 meses

    Não permaneça por mais de três meses!

    VendedoraEx-funcionário, saiu em 2017

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: É sempre bom interagir com crianças e ajudar a criar um ambiente lúdico, conhecer um pouco das histórias de cada uma delas fez valer a experiência. Também tive a sorte de ter um ótimo gerente!

    Contras: A empresa não se importa com o funcionário, o mínimo dado era entendido que seria uma enorme favor, a cultura da empresa é nociva e não tem possibilidade de crescimento.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Bom ambiente de trabalho porém empresa só pensa em lucro e não investe em seus funcionários e logística

    VendedorEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Ótimo ambiente de trabalho. Por ser uma loja de brinquedos, o ambiente é alegre e divertido. Fiz amizades que são pra vida toda enquanto trabalhei na empresa (2 anos).

    Contras: Além de vender, tem que carregar caixas sujas com a mercadoria dentro. e voltar a vender com o uniforme sujo e suados. Comissão baixa se comparado com outras lojas. Funcionário recebe alimentação somente aos finais de semana, precisando gastar parte do seu salário pra se alimentar durante o trabalho. Em dezembro os funcionários trabalham obrigados 12 horas por dia em pé e sem folga. Plano de saúde opcional é ruim e descontado do salário.

    Conselhos para presidência: Investir mais em seus funcionários pois muitos são pessoas maravilhosas e de bom coração. Fazem de tudo pra ganhar uma comissão boa no final do mes, mas nem sempre conseguem e isso é frustrante, desanima o colaborador que acaba saindo da empresa por não conseguir o suporte para sua vida e de sua família.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 2 anos

    Toy Boy e problemas internos

    VendedorEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Público alvo é bem legal, bom visual na loja , outros vendedores com bom relacionamento, material para trabalho e boas condições para o bom desempenho da função.

    Contras: O supervisor é bem fraco , durante o período de treinamento eles quebram facilmente o contrato de experiencia não dando oportunidade de aprendizado e desenvolvimento, fofoca e mentiras por parte dos gerentes e supervisores atrapalham muito também.

    Conselhos para presidência: Deixar o supervisor mais presente e atento aos problemas dos vendedores e desconfiar sempre quando se tem uma reclamação generalizada sobre uma determinada pessoa, melhorar o sistema de metas e bonificações e investir um pouco mais no marketing.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Toy Boy