• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na T-Systems do Brasil?

Ver todas as avaliações

  • Há 9 meses

    Vai se frustar em todos aspectos

    DesenvolvedorEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Boa localização pra quem mora no ABC. Área de café com café gratuito. Copa com infraestrutura pequena mas útil para levar e aquecer sua comida.

    Contras: Pessoas individualistas e desatualizadas com relação ao mercado de TI e fechados a opiniões sobre o desenvolvimento conforme mercado. Clientes negativos em tudo, desatualizados há décadas sobre mercado de software. Prazos ridicularmente mal elaborados por gestores desclassificados e que reclamam quando é necessário pagar horas extras. Ser desenvolvedor é ser subserviente, gestão falta com respeito, autoritários e não são aberto a opiniões, o trabalho do líder e equipe são apenas colhidos pela gestão. Assim o ambiente é silencioso e deprimente. Salvo quando há campanhas pontuais promovidas pela a empresa, passa um falso carisma. Mas a TI é obscura.

    Conselhos para presidência: Trocar a gestão de TI e buscar no mercado pessoas com visão do atual mercado de software e usar metodologia ágil. Buscar cativar seus clientes passando os benefícios da atual visão de mercado para desenvolvimento de sistemas

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

T-Systems do Brasil

Descrição:Com uma infraestrutura global de data centers e redes, a T-Systems opera com Tecnologia da Informação e Comunicações (ICT) para corporações multinacionais e instituições do setor público, bem como com soluções integradas para o desenvolvimento e o gerenciamento de aplicativos e serviços, visando adicionar um valor significativo aos negócios dos clientes de todo o mundo. Como uma das principais parceiras globais da SAP, a T-Systems provê serviços de gestão, tecnologia e outsourcing para mais de 3,4 milhões de usuários SAP no mundo, sempre comprometida com a inovação. Possui hoje 48,2 mil colaboradores em mais de 20 países, com faturamento de EUR 9,2 bilhões em 2011.

Site