Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Stefanini?

Ver todas as avaliações

  • Há aproximadamente 1 ano

    Boa para se ganhar conhecimento, ruim para todo o resto.

    Analista de Service Desk

    São Paulo, SP


    Prós: Pagamento sempre em dia, ambiente descontraído, pessoas simples, sem muito requinte, não aceitam preconceitos em geral, salário baixo para um trabalho equivalente. Um bom lugar para se ganhar apenas conhecimento!.

    Contras: Equipamentos ruins, demora para cadastrar o funcionário novo, RH paga funcionário que não está na empresa, erra no afastamento de funcionários, se fizer horas a mais junta banco de horas (mas dificilmente consegue pegar folga), se fizer horas a menos é descontado no salário. Empresa promete PLR na integração mas não paga, aumento salarial é pago 1 ano após a decisão do sindicato. Não há oportunidade de desenvolvimento de carreira.

    Conselhos para presidência: Dêem mais valor aos funcionários, troquem as cadeiras ruins, proporcionem melhor ambiente de trabalho, façam seus funcionários se engajarem para que possam ter uma melhora significativa em seus processos, e principalmente: não prometam na integração o que não cumprem na realidade. Falta de ética não faz uma empresa ser boa para que bons profissionais tenham vontade de trabalhar nela.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Stefanini

Descrição:A Stefanini é uma multinacional brasileira com 26 anos de atuação no setor de Serviços em TI. Totalmente verticalizada por segmento de indústrias, a consultoria possui grande expertise no mercado financeiro (atende as dez maiores instituições financeiras do País), telecomunicações, seguradoras e setor público. Presente em 30 países, sua oferta de serviços abrange Consultoria, Integração, Desenvolvimento de Soluções e Outsourcing para Aplicativos e Infraestrutura; e ainda BPO para processos de negócios. Reconhecida mundialmente, a Stefanini está entre as 100 maiores empresas de TI do mundo (BBC News) e foi apontada como a terceira empresa transnacional mais internacionalizada, segundo ranking da Fundação Dom Cabral.

Site

RH: quer atrair bons talentos?