Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Stefanini?

Ver todas as avaliações

  • Há mais de 2 anos

    Não trabalhe para a Stefanini!

    Gerente de Operações

    São Paulo, SP


    Prós: O único ponto positivo que existe é que você acaba lidando com muitos clientes, o que te ajuda a ficar conhecido do mercado em geral.

    Contras: Existem uma infinidade de pontos negativos. A empresa não tem nenhuma gestão de pessoas ou carreira, atrasa ou erra pagamento de salários e benefícios, paga abaixo do mercado, fornece computadores de trabalho velhos e caindo aos pedaços, etc, etc, etc. Chega-se ao absurdo de se ganhar contratos cujas capacidades da empresa estão muito aquém do que deveriam ser para cumprir bem com suas obrigações. No geral é a pior empresa em que já trabalhei.

    Conselhos para presidência: Deixem de ser mesquinhos, dimunuam as margens de lucro, e invistam em seus colaboradores. De que adianta estabelecer sempre metas absurdas de ganhos financeiros, sendo que as pessoas que sustentam isso nunca vêem os benefícios do alcance dessas metas? Levem a sério a imagem de vocês, se os próprios colaboradores têm uma péssima visão da empresa ficará difícil algum dia ser uma empresa que inspire a todos pelos motivos certos.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Stefanini

Descrição:A Stefanini é uma multinacional brasileira com 26 anos de atuação no setor de Serviços em TI. Totalmente verticalizada por segmento de indústrias, a consultoria possui grande expertise no mercado financeiro (atende as dez maiores instituições financeiras do País), telecomunicações, seguradoras e setor público. Presente em 30 países, sua oferta de serviços abrange Consultoria, Integração, Desenvolvimento de Soluções e Outsourcing para Aplicativos e Infraestrutura; e ainda BPO para processos de negócios. Reconhecida mundialmente, a Stefanini está entre as 100 maiores empresas de TI do mundo (BBC News) e foi apontada como a terceira empresa transnacional mais internacionalizada, segundo ranking da Fundação Dom Cabral.

Site

RH: quer atrair bons talentos?