• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na SPTrans?

Ver todas as avaliações

  • Há 9 meses

    Técnico em Sistemas de Transporte Júnior

    São Paulo, SP


    Prós: O caráter e a prestação de serviço público. A excelente estrutura de salários e benefícios para aqueles não entraram de 2008 em diante. A importante parcela de contribuição no dia a dia da sociedade.

    Contras: Funcionários incapazes em cargos de chefia e com altos salários. Mais da metade de aposentados improdutivos. Muitos assessores também com altos salários. Plano de cargos e salários que depressiva os empregados concursados.

    Conselhos para presidência: Valorização dos empregados é a palavra de ordem. Uma empresa que recebe recursos públicos não podem manter em seu quadro a maior parte de empregados aposentados. A maior parte por ter essa condição é improdutiva e a outra não produz como um empregado comum. É difícil encontrar no campo empregados com mais de dez anos de casa que sejam de fato competentes, a maioria é incapaz para a atividade que deveria executar. Claro, não são todos, mas a grande maioria. Isso é fácil de se constatar. A Constituição Federal determina (pendente ainda de lei complementar) que o servidor público (estatutário) tenha periodicamente uma avaliação de aptidão, afinal a remuneração vem do erario. Não atingindo a média deve esse servidor passar por reciclagem, novamente não atingindo a média deve ser exonerado. Com toda convicção afirmo que de técnico pelo a analista, se foram avaliados idoneamente, muito mais da metade não tem competência para se quer permanecer no cargo. É constitucional o princípio da eficiência e não.como seguir esse princípio sem capacidade dos empregados. A maioria não trabalha, não merece o salário que tem. Um enorme "obrigado" para os aposentados, e demissão para todos. A daqui em diante no máximo 2 anos após a aposentadoria é minha opinião, depois, demissão compulsória.

    Recomenda a empresa: Sim

Informações da empresa

SPTrans