• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na SLcomm?

7 postagens (3 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

2.00
  • Remuneração e benefícios
    2.67
  • Oportunidade de carreira
    1.67
  • Cultura da empresa
    1.33
  • Qualidade de vida
    2.00

Recomendam a empresa a um amigo


  • Há 3 meses

    Uma agência que parou no tempo

    PlanejamentoEx-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: O time da criação é muito dedicado e sempre procura as melhores soluções com os prazos mais apertados da galáxia. Local de fácil acesso (próximo ao metrô Santa Cruz).

    Contras: O dono da agência interfere em tudo. Dos processos aos projetos, tudo passa por ele. Isso torna a agência frágil em concorrências, pois os times ficam engessados na tentativa de compreender o que o dono da agência deseja (e não o que o cliente e seus consumidores de fato esperam). Resultado final: trabalho em dobro (fazer para o cliente e refazer para o cliente interno, a.k.a dono da empresa), equipe desmotivada. Novas metodologias que ainda nem foram testadas, são vendidas para leads, prospects e clientes.

    Conselhos para presidência: Tentei oferecer inúmeros conselhos, propor saídas e implementar mudanças para que a SLcomm fincasse os dois pés no século XXI, mas o dono sempre foi um repelente natural.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 3 meses

    Só para os estagiários (e olhe lá...)

    Ex-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: Algumas pessoas são fabulosas. Laboriosas e muito antenadas com o mercado. O ambiente é uma confusão. Parece uma loja de antiguidades lá de Embu das Artes. Mas todo esse caos tem um certo charme retrô.

    Contras: Não existe essa do chefe escrever mal porque essa missão deve ser reservada aos seus comandados Se deve escrever bem sempre. O cérebro é como um músculo, que se não for utilizado, atrofia. Quem escreve mal, lê mal, fala mal e, por consequência, pensa mal. Quando se pensa mal, se planeja mal, se aprende mal e se vive mal. Já dizia Confúcio: "Se a linguagem não for correta, o que se diz não é o que se pretende dizer. Se o que se diz não é o que se deve dizer, o que deve ser feito deixa de ser feito. Se o que deve ser feito deixa de ser feito, a moral e as artes decaem. Se a moral e as artes decaem, a justiça se desbarata e se a justiça se desbarata as pessoas ficam entregues ao desamparo e à confusão; não pode, portanto, haver arbitrariedade no que se diz. É isso que importa, acima de tudo". Esse é o grande problema da empresa. Como o chefe tem um desejo irrefreável de controlar tudo (e todos) com mãos de ferro, seu lado "Advertising Man" deve ser nutrido por seu ego e pelos cupinchas que, coitados, querem apenas passar a bomba pra frente: os clientes, no caso. Cheio de discursos afetados e contraproducentes, o dono da bola contamina o ambiente com suas sacadas e momentos "eureka", sempre os mesmos termos-gatilho com as palavras vida, viver e ser... Em geral, temos aqui uma agência de comunicação em que o dono se comunica como um índio tupinambá negociando sua flecha com um português desavisado. E a quebra de comunicação afeta diretamente os Departamentos de Criação e Planejamento. O resultado da entrega fica sujeito ao barômetro que sofre com a pressão do ego e na inabilidade (e infantilidade) do big boss. Quem deseja autonomia, espinha ereta, mente alerta e coração tranquilo, pode tirar o cavalinho da chuva. A SLcomm é uma ceifadora de ideias.

    Conselhos para presidência: Tirem o dono do processo criativo. Vai todo mundo afundar junto com ele.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 6 meses

    Líderes não impõe, Conquistam o respeito

    AtendimentoEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Fácil localização próximo ao metrô, grande bagagem no quesito aprendizado pessoal, funcionários em um geral, são pessoas legais de se trabalhar, sempre participando de novas concorrências e campanhas.

    Contras: o Dono é muito mimado e só ele manda na agência, as concorrências são sempre em torno do que ele pensa e quer... Nenhum funcionário ali esta satisfeito, porém todos ficam, pois não teriam outras oportunidades ganhando o mesmo salario.. os coordenadores são péssimos.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    Muito aprendizado porém estresse desnecessário

    Ex-funcionário, saiu em 2017


    Prós: - Você aprende muito, muito mesmo em vários aspectos. - Ótima para quem está começando. - Boa localização por ser próxima ao metrô. - Ambiente organizado, limpo e com computadores razoavelmente bem conservados. - Mesmo se você for PJ, tem direito a férias e 13o salário. - Pagamento em dia e salário razoável. - Galera disposta a ajudar sempre que se tem dúvidas e um bom lugar pra se estabelecer networking pelo número de freelas.

    Contras: - Jornada de trabalho muito exaustiva. Em dias "normais" se trabalha sempre além das 19. Em campanha raramente se saí antes das 21, o que ocorre 60% das vezes. - Agência até onde convém, pois a mentalidade é de empresa tradicional. Você é cobrado por chegar no horário mesmo que tenha trabalhado duas ou três horas a mais no dia anterior. - Certas atitudes preconceituosas e machistas, inclusive de algumas mulheres. - Você acumula facilmente banco de horas mas é bem raro conseguir disponibilidade para tirar a folga. - Muita interferência do dono da agência no processo criativo, somado ao controle rígido de um dos DC's, restando pouco espaço para sugestão e autonomia no desenvolvimento de um job, mesmo com um briefing. - Pouoc espaço para debate, pois se se contesta o que é pedido, você é taxado de orgulhoso e não aberto a ideias. Se se perde uma campanha, a culpa é sua por não ter dito que o drive de campanha era ruim. -

    Conselhos para presidência: - Em resumo é uma empresa boa para aprender e se desenvolver, mas que infelizmente as pessoas não tem vontade de ficar a médio e longo prazo em razão dos pontos negativos citados. - Diria para que tomassem cuidado com piadas de mal gosto e chacotas com aparência das pessoas ou horário de saída, pois isso contamina e intoxíca o ambiente. - Que aprendam a ouvir mais e tratar bem a galera que está lá há mais tempo, e que não respondam com estupidez quando suas opiniões forem contrariadas. Isso certamente vai trazer melhores resultados e consequentemente melhorar o desempenho da empresa no mercado.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 ano

    Muito aprendizado

    Funcionário


    Prós: - Galera prestativa - Boa localização (proxima ao metro santa cruz). - Se aprende muito no dia a dia e as pessoas não tem problemas em dar dicas e ensinar. - Salário razoável a curto e médio prazo. - Bons equipamentos de trabalho. - Contratação PJ porém com férias e 13o salário. Eventualmente se paga horas extras no caso de trabalho em feriado ou aos sábados. - Espaço com microondas para almoço.

    Contras: - Carga horária excessiva. Quase sempre se precisa ficar além do horário mesmo com jobs em dia. - Mesmo que a pessoa auxilie os colegas em outros jobs, se for embora pontualmente acaba por ser vítima de chacota em voz alta. - Criação muito dirigida, pouca liberdade criativa em muitos casos. Aprende-se bastante no dia a dia de fato, mas com o tempo processo passa a ser mecanizado e tudo tem que ser feito nos mínimos detalhes de acordo com o gosto do DC e do dono da agência, gerando muita interferência na criação. - Dono gosta de dar ideias mas não sabe lidar quando elas não são seguidas.

    Conselhos para presidência: Ouvir mais outras opiniões e assumir também sua parcela de responsabilidade quando não se vence uma concorrência. Reconhecer quem se dedica de verdade e não puxar a sardinha para quem é "amigo".

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Uma empresa boa para começar a carreira.

    Arte FinalistaEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: O ambiente é bem legal, tem uma ótima localização perto do metro Santa Cruz, bons clientes, bons benefícios se você é CLT e um ótimo lugar para aprender.

    Contras: Carga horária excessiva, alguns salários um pouco abaixo da média de mercado, alguns departamentos não pensam no coletivo e precisa atualizar os equipamentos.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    take care

    Assistente de ArteEx-funcionário, saiu em 2016

    São Paulo, SP


    Prós: Alguns colegas bacanas se você tiver sorte. Espaço relativamente agradável, casinha em bairro tranquilo. Não tenho mais nada a acrescentar, infelizmente.

    Contras: Gestão ruim, falta de respeito a individualidade das pessoas, promoção de amigos do chefe em detrimento a abrir oportunidades honestas a todas as pessoas.

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

SLcomm