Olá! Love Mondays irá virar Glassdoor em 26 de junho. Saiba mais
  • Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Restoque?

143 postagens (43 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.12
  • Remuneração e benefícios
    2.53
  • Oportunidade de carreira
    2.78
  • Cultura da empresa
    2.85
  • Qualidade de vida
    2.40

Recomendam a empresa a um amigo


  • Há 5 meses

    Desvantagens da Restoque

    Analista de RH Júnior

    São Paulo, SP


    Prós: Eles oferecem um benefício legal que é o bazar. Vendem as roupas das marcas por um preço bem baixo. Outro ponto positivo é que a empresa é bem conhecida no ramo.

    Contras: A empresa pensa muito na qualidade e desenvolvimento de produtos e lojas e não valorizam o funcionário. Benefícios ruins, valor do vale refeição é vergonhoso, não pagam Plr, não existe uma avaliação de desempenho, e todas as idéias sugeridas não são aprovadas.

    Conselhos para presidência: Dar mais valor e qualidade de vida para os funcionários.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 7 meses

    Paga-se pouco e não ha plano de carreira

    StylistEx-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: As marcas que compõem o grupo. As instalações do escritório, apesar da péssima localização (zona perigosa ao lado do ceagesp)são ótimas, amplas e modernas

    Contras: Politica da empresa sem meritocracia. Altíssima rotatividade de pessoas e gestão (média de 1 ano a 1,5 anos na empresa. Ausência de plano de carreira em todas as áreas

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 8 meses

    Um lixo, não perca seu tempo

    Jovem AprendizEx-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: Nada. Apenas o nome da marca ainda tem algum peso no currículo daqueles que trabalham no varejo. Pagam em dia. Fácil localização pelas lojas espalhadas.

    Contras: Salários e beneficios PESSIMOS. Gerentes FRACOS, falta de preparo da parte administrativa. Empresa que nao se preocupa com funcionário nem em seu desenvolvimento. Erros e mais erros. NÃO TRABALHE AQUI!

    Conselhos para presidência: Mude tudo.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 11 meses

    Empresa com filosofia retrógrada e autoritária

    Ex-funcionário, saiu em 2018

    São Paulo, SP


    Prós: em algumas áreas é possível conhecer ótimos colegas de trabalho que eventualmente viram amigos e torna-se real trabalhar com espírito de equipe pra tentar melhorar o dia a dia na empresa.

    Contras: .Empresa movida à base do constante medo dos grandes chefes. O que é chamado de “cultura restoque” nada mais é do que um plano empresarial ultrapassado que quer tirar o máximo dando o mínimo. Onde uma das exigências é um funcionário obcecado pelo trabalho (usando exatamente essa frase no material de treinamento da empresa e colado pelas paredes como se fosse uma espécie de bíblia bizarra corporativa) que nem as constantes horas extras recebe de volta. .Citam também um “plano de carreira” fictício onde só é possível crescer se tiver a sorte de ter um gestor muito bom que tem vontade de ver os funcionários abaixo dele evoluindo como profissionais, caso contrário você ficará por anos e anos ocupando o mesmo cargo sem sequer um aumento. .Vale refeição extremamente baixo, pensando nas pouquíssimas opções de restaurantes ao redor da empresa onde o quilo custa em média 60 e poucos reais. .Região extremamente precária, ratos e animais mortos, comida podre por todo lado, constantes enchentes que te impossibilitam de ir embora. .Refeitório com qualidade baixa e preços altos, regulam até a quantidade de vinagrete que você coloca no seu prato, cobram pelo limão e gelo quando você compra algo pra beber, possui um único prato de 12 reais (valor do VR) que não condiz com uma alimentação saudável ou balanceada. .Acúmulo enorme de funções, sobrecarga por falta de planejamento para com os funcionários. .Muito se ouve de setores preconceituosos da empresa que deixam de contratar pessoas apenas pela aparência. .Regras autoritárias e retrógradas sem sentido algum, um ambiente que precisa ser incentivado criativamente pra gerar bons resultados onde é proibido ter qualquer item pessoal em cima da mesa e é preciso esconder todo seu material de trabalho em sacolas e gavetas quando vai embora pois é norma que somente o computador esteja em cima da mesa. .A desculpa pra tudo é sempre “falta de budget”, o que nos surpreende bastante quando vemos top models e atores internacionais sendo contratados pra fazer as campanhas das marcas. A Restoque definitivamente não é uma empresa que pensa no bem estar do funcionário, me envergonha e entristece saber que até hoje lidamos com gestões tão jurássicas. Não está nada longe do nosso alcance as fórmulas das empresas mais bem sucedidas, recomendo aos grandes gestores darem uma pesquisada.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    Ambiente autoritário, desmotivativo, desconfortável e péssima gestão

    EstoquistaEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Oferecem Vale-refeição de benefício, oferecem treinamento para os funcionários, não atrasam o salário e cumprem certinho a escala de folga 6x1

    Contras: A empresa Restoque é dona da marca de vestuário Le Lis Blanc, não recomendo para ninguém. Empresa sem ergonomia nenhuma de trabalho. Você é contratado para ser vendedor, estoquista, mas depois de algumas semanas começam a mandar você para lavar o chão do banheiro, varrer a escada, varrer e passar pano na loja inteira, passar aspirador de pó no carpete e tudo isso trabalhando oito horas de pé sem poder sentar. A empresa não fornece uniforme completo, mas se sentem no direito de exigir que o funcionário trabalhe todo de preto, inclusive sapatos. O funcionário tem que tirar dinheiro do próprio bolso para comprar um sapato preto. O vale-refeição e as condições de pausa para descanso são precárias, pagam apenas R$ 12,00 de vale refeição, mesmo sabendo que a região é cara e, quem opta por levar marmita tem que se alimentar se equilibrando na cadeira do estoque porque não tem mesa, não tem um refeitório apropriado para os funcionários almoçar. Como todo sistema capitalista, adoram cobrar produtividade dos funcionários mas não se importam com a ergonomia do ambiente de trabalho. O ar condicionado da loja, por exemplo, sempre fica em torno de 19º C e quando algum funcionário resolve pedir para aumentar, você recebe a seguinte resposta de que "a loja precisa vender casacos e por isso tem que deixar com o ambiente frio", e enquanto a saúde do funcionário é a que menos importa ali para eles. Demoram para pagar o vale transporte quando você é funcionário novo e ainda sim não fazem reembolso dos dias que você trabalhou com o seu próprio dinheiro. A empresa tem sistema de câmeras em cada canto da loja, mas mesmo assim obrigam você a abrir sua bolsa, até a carteira pedem para abrir desconfiando que você está roubando algo. Ambiente autoritário, desmotivativo, desconfortável, péssima gestão, demissão em massa de funcionários, salário incompatível com as atividades exercidas e, que equivale ao preço de uma blusinha. Sem chance de crescimento na empresa.

    Conselhos para presidência: Melhorem a ergonomia de trabalho e salário, não desvirtuem funções dos funcionários.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Nunca trabalhe lá

    UX DesignerEx-funcionário, saiu em 2013

    São Paulo, SP


    Prós: Empresa donas de marcas relevantes como Bô Bô, Le Lis Blanc, John John, entre outras, muitos funcionários e trocas de conhecimento entre pessoas são relevantes.

    Contras: Empresa não pensa no funcionário, não se importa com o excesso de carga horária semanal, ambiente desconfortável, chefias hostis, afastadas, e sem interesse de ajudar o funcionário.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Ex-funcionário, saiu em 2017


    Prós: O profissional que trabalha na Restoque ganha visibilidade no mercado de trabalho. Paga os salarios em dia

    Contras: A empresa tem uma cultura que exclui pessoas de classe menos favorecida, varias pessoas boas foram embora por falta de oportunidade, e esta nao foi dada pois quando havia alguma chance de promoção que recebia eram pessoas de classe alta, que podiam comprar as roupas da marca para ostentar. Péssimo! VR muito baixo, clima organizacional ruim e as áreas não "se ajudam". Muito ruim, gerentes despreparados que nao sabem dar feedback, praticamente todos indicados por amigos que trabalham na empresa, ou que cresceram puxando tapetes. Na entrevista dizem que tem participacao nos lucros, mas efetivamente nao existe politica e somente algumas pessoas recebiam escondido.

    Conselhos para presidência: Melhorem esse VR, olhem para as pessoas e exterminem a cultura de que "só quem é bem nascido" cresce na Restoque. Vocês já perderam vários talentos por falta de preparo de gestores ruins, olhem para a gerencia tambem e verão gerentes perdidos e que não fazem ideia do que estão fazendo.

  • Há mais de 2 anos

    Cilada bino

    Web DesignerEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Trabalhar com bons profissionais e poder adquirir bastante experiencia. E realmente nao consigo pensar em mais nada de positivo desse lugar.

    Contras: Localizacao ruim, salarios baixos, sem plano de carreira e vr muito baixo em relacao aos precos de restaurantes da regiao. Nao atoa é reduto de gente rica que quer trabalhar pra ganhar experiencia ou prestigio pelas marcas da empresa.

    Conselhos para presidência: Melhorem.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Empresa bem mediana

    Coordenador de Planejamento

    São Paulo, SP


    Prós: Ambiente Descontraido Não existe tanta pressão por resultado. Empresa líder de moda de alto padrão

    Contras: Falta de estrutura Falta de Plano de carrreira Metas não definidas Meritocracia muito mal estruturada Benefícios muito fora do padrão do mercado

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Não vá trabalhar lá

    Assistente de E-commerceEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Eu sinceramente não vejo nada de positivo na empresa que não seja algumas pessoas. O RH é uma piada. Muitas pessoas em altos cargos só estão lá porque conhecem alguém. Triste ver a realidade da empresa.

    Contras: Os pontos negativos são vários. Maus gestores. Pouquíssimas pessoas são reconhecidas. RH juvenil, onde não tem o menor interesse no funcionário. O plano de carreira é inexistente, afinal você tem que ficar anos ali.

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Restoque

Descrição:A Companhia foi fundada em 1982, sob o nome Restoque Comércio de Roupas Ltda., por Waltraut Irene Plebst Guida e Rahyja Calixto Afrange, duas renomadas profissionais do mercado de moda brasileiro, com experiências acumuladas de 34 anos. Em 1988, Waltraut Guida, responsável pela parte de estilo e desenvolvimento de produtos, e Rahyja Afrange, responsável pela área comercial, criaram a marca Le Lis Blanc, com o objetivo de desenvolver um negócio de moda feminina direcionada ao público de alto padrão aquisitivo. Hoje, com mais de 20 anos de atuação, a Companhia acredita que a Le Lis Blanc tornou-se referência nacional em termos de sofisticação, estilo e qualidade.

Site