Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Raízen?

Ver todas as avaliações

  • Há quase 2 anos

    Boa empresa se você está de passagem e quer aumentar o salário.

    Analista

    São Paulo, SP


    Prós: Flexibilidade no horário e permissão para home office. PLR bom se comparado as práticas do mercado.

    Contras: O RH não é presente e, portanto promoções são baseadas na camaradagem – isto quando acontecem. Tanto time de vendas (gerentes de territórios) quanto estagiários não são vistos como potenciais, exemplo disto é quando vagas do escritório são preenchidas por funcionários novos do mercado e programa DNA que não contempla estagiários em formação. As faixas salariais são lendas, pois diferentes pessoas nas mesmas funções ganham salários bem discrepantes. Empresa com muitos coordenadores e cargos acima - pouca mão de obra. Devido a formação a partir de joint-venture, alguns funcionários ainda não perceberam que a cia não é mais uma multinacional preocupada com bem-estar do funcionários como a origem da Esso e Shell. Apesar de ter Shell como acionista não existem chances para trabalho no exterior. No geral, o quadro de funcionários é muito amplo com funcionários novos de outras empresas, outros da primeira experiência de estágio, da Cosan, da Shell, da Esso o que não facilita a criação de uma cultura corporativa. Cada área tem sua cultura herdada pela origem do gestor seja pão duro, mão aberta, preocupado com bem-estar, sugador de energia, etc.

    Conselhos para presidência: Enxergar gerentes de territórios e estagiários como potenciais. DNA Raízen deveria aceitar estagiários como todo programa do mercado.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Raízen

Descrição:A Raízen se destaca como uma das mais competitivas empresas de energia do mundo. Brasileira, aposta na inovação, na tecnologia e no talento de seus cerca de 40 mil funcionários para gerar soluções sustentáveis que contribuem para o desenvolvimento econômico do país de forma ética, com respeito às pessoas e ao meio ambiente. Criada a partir da junção de negócios de Shell e Cosan, a Raízen é hoje a quinta maior empresa em faturamento e a principal fabricante de etanol de cana-de-açúcar do Brasil, com a produção de cerca de 2 bilhões de etanol (da cana-de-açúcar) por ano. A atuação inclui ainda a produção de 4 milhões de toneladas de açúcar e a comercialização de 1,8 milhão de MWh de energia elétrica anualmente. No segmento de distribuição de combustíveis, a Raízen possui ampla penetração no território nacional com mais de 4.700 postos Shell, presença em 54 aeroportos e operações em 58 terminais.

Site

RH: quer atrair bons talentos?