Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares
Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN) logo

Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN)

3.77

Como é trabalhar na Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN)?

39 postagens (22 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.77
  • Remuneração e benefícios
    2.24
  • Oportunidade de carreira
    1.90
  • Cultura da empresa
    3.24
  • Qualidade de vida
    3.67

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 13 dias

    Cargo dos sonhos

    Funcionário


    Prós: Carreira forte, grande impacto social. Prós: Ambiente saudável e equilibrado, com baixa pressão e grande liberdade para desenvolver seu trabalho. Oportunidade de se trabalhar com novas tecnologias e soluções de grande escala, sendo permitido que sejam propostas soluções inovadoras. O escritório é bem localizado.

    Contras: Falta de estrutura de carreira. Nada a reclamar.Prós: Liberdade de trabalho, horários flexíveis, excelente pacote de benefícios como alimentação, seguro saúde, seguro de vida e descontos nas empresas conveniadas. Exige alta performance dos funcionários mas possui recompensa em forma de PLR e, para os executivos o bônus anual.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 mês

    Vale a pena pelo setor

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2017

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Flexibilidadeno horário, Ambiente leve, colegas que trabalham junto pensando no melhor do setor e ensino muito bom dos servidores públicos .

    Contras: Remuneração ruim, não paga nem a passagem completa. Salário pequeno, autoridade dos procuradores sobrepõe seus direitos e sua sanidade além de faltarem respeito.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 meses

    Razoável

    Estagiário

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Primeiro contato com a atuação dos procuradores, elaboração de peças, flexibilidade de horários e grande possibilidade de conciliação com a faculdade.

    Contras: Falta de envolvimento dos estagiários nos projetos da PFN, assuntos repetitivos que esgotam-se em pouco tempo, aprendizado limitado, sem chance de efetivação.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 meses

    Infraestrutura limitada

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: A procuradoria oferece diversas palestras, que são a maior oportunidade de aprendizado. Além disso, a localização é privilegiada e trabalha-se apenas no prédio, sem necessidade de comparecer em fóruns e tribunais.

    Contras: A infraestrutura é bastante limitada no prédio. A bolsa é abaixo da média, mesmo comparada aos outros órgãos públicos. As tarefas são mais administrativas do que jurídicas, motivo pelo qual poucos estagiários permanecem por muito tempo.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 3 meses

    Ótimo lugar para ganhar experiência.

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: Ótima oportunidade de aprendizado, ambiente informal, grande nível de aproximação entre os Procuradores da Fazenda e os Estagiários, os próprios Estagiários se ajudam muito, ambiente sem competição.

    Contras: A bolsa auxílio é abaixo do mercado, mesmo comparado com outros estágios públicos, a carga horária é se 6h diárias, assim sendo maior do que os outros estágios públicos, não possui VR e as instalações são precárias, e o café é horrível.

    Conselhos para presidência: Valorizar mais o trabalho do Estagiário.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Decaiu muito desde que entrei.

    AdvogadoEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Maleabilidade de horário, regularidade de pagamentos, local de trabalho projetado ( com alguns defeitos como ar condicionado subprojetado), pessoas engajadas

    Contras: Falta de recursos materiais, tecnológicos e humanos. Amadorismo nas relações proficionais. Programas de Capacitação Continuada escassos e muitas vezes deficientes. Média etária de servidores maiir de 50 anos com dificuldade de adaptação ao novo, principalmente tecnologis

    Conselhos para presidência: Investir em tecnologia de informação e treinamento e renovação e ampliação do quadro de apoio

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Ótimo estágio.

    Estagiário

    Santo André, SP


    Prós: Ótima experiência, alem de ser um ambiente rico para aprender. Sendo, assim, um ótimo estágio ao estudante que busca maior conhecimento e vivência na área tributária.

    Contras: Observo que no tempo em que estagiei na Procuradoria, não notei pontos negativos, ressaltando as qualidades positivas que mencionei no tópico anterior.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 4 meses

    Bom para a primeira experiência, apenas

    Estagiário Superior

    Fortaleza, CE


    Prós: Ambiente agradável, independencia na empresa, não existe sobrecarga de atividades, pessoas educadas, oportunidade de atuar em varios setores.

    Contras: Muito desorganizado, trabalho extremamente operacional sem chance de aprendizado, não existe capacitações e não investem nos funcionários, não existe supervisão

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 4 meses

    Faça o melhor pois um dia você será o melhor

    EstágioEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: oportunidade de aprendizado e tempo livre para estudar, fazer pesquisas e realizar trabalhos pertinentes as matérias jurídicas, uma vez que lá disponibiliza de todos os recursos.

    Contras: Se não houver interesse pessoal acaba sendo um tempo perdido sem fazer nada e aprender nada, pois os procuradores não vão chamar os estagiários para ensinar, mas se houver interesse eles ajudam para que você se torne melhor que eles.

    Conselhos para presidência: Remunerar melhor os estagiários uma vez que muitos trabalham mais que os Atas.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 4 meses

    Ótimo local de trabalho

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: bom ambiente, trabalho diversificado, horários condizentes, refeitório no local, contato constante com procuradores. Idas ao fórum com carro fornecido pela Procuradoria

    Contras: não há atualização salarial, não existem benefícios com vale-alimentação, falta de recursos constante. Não há área silenciosa para o trabalho

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN)
RH: quer atrair bons talentos?