Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Oh, Boy!?

19 postagens (6 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.17
  • Remuneração e benefícios
    2.83
  • Oportunidade de carreira
    2.17
  • Cultura da empresa
    2.50
  • Qualidade de vida
    2.33

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 1 mês

    Uma empresa que precisa evoluir

    Auxiliar de Logística

    São Cristóvão, SE


    Prós: As pessoas do lugar são simpáticas e estão sempre dispostas a ajudar , é o lado positivo da empresa , isso faz vc querer trabalhar melhor e

    Contras: Salário não é favorável , os benefícios não são bons e a expetativa de crescimento na empresa é pequena , pois há uma grande rotatividade de funcionários .

    Conselhos para presidência: Esteja sempre disposto a fazer mais

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    Funcionários são tratados como mercadoria

    VendedorEx-funcionário, saiu em 2013

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Os lançamentos de coleção são divertidos; As vendedoras geralmente são dispostas a ajudar.

    Contras: A remuneração é bem ruim; Não paga horas extras; Há obrigatoriedade de trabalhar muito mais horas do que o devido em troca de estação; As metas são altas demais para quem trabalha no horário da manhã; Só há TR aos sábados e de valor ínfimo; Muita pressão; Gerentes sem treinamento adequado; Há cobrança do valor do uniforme; Mercantilização do funcionário.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Rotatividade alta

    Designer GráficoEx-funcionário, saiu em 2008

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: - Pontualidade com pagamento. - Ambiente espaçoso e com boa iluminação. - Bons colegas de trabalho

    Contras: - Vale refeição de R$4 - Não existe muita possibilidade de crescimento, principalmente se você não for um funcionário que reside na Zona Sul ou Barra. Esses funcionários de classes um pouco mais altas são mais bem vistos e valorizados. - Entrei para uma função, na época, para ganhar R$700 e em menos de 1 mês comecei a ter dupla função, para um cargo onde eu deveria ganhar mais, e levei isso por 1 ano e 8 meses até sair da empresa. A pessoa que entrou no meu lugar, começou ganhando $2.300,00. - Toda semana praticamente saia gente. A rotatividade é alta lá. - Burocracia demais para tarefas simples.

    Conselhos para presidência: Valorizem mais os funcionários, idependente do lugar que eles moram.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Descaso com o funcionário

    Ex-funcionário, saiu em 2015


    Prós: Tem flexibilidade em relação à folgas. Pagam corretamente.

    Contras: O RH da empresa não se preocupa diretamente com o funcionário. O desligamento da empresa foi realizado de maneira fria, não houve entrevista de desligamento e muito menos explicação concreta sobre a demissão. Não provem meios de o funcionário se alimentar ou armazenar uma refeição no estoque, somente dispondo de um bebedouro, que mal funciona.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 12 dias

    Uma empresa ficada.

    CaixaEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Bons chefes, a empresa assumia com aquilo que estava sobre sua responsabilidade. As equipes são bem formadas e a empresa disponibiliza de treinamentos.

    Contras: Muitas responsabilidades que não eram minhas, e símbolo da gerente em questão. Responsabilidades que não condiziam com meu salário. O que com o tempo tornou o trabalho desgastante e eu não recebia para o tanto que trabalha.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 6 meses

    Oh, boy

    Estoquista

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: a empresa é extremamente organizada e cumpre com os direitos trabalhistas. desde a entrevista foram super gentis comigo e se tem abertura para falar com a gerente sobre mudanças de horaario ou coisas parecidas.

    Contras: Investir em mão de obra desqualificada e desenteressada. Ao mesmo tempo onde a empresa propõem cargos superiores aos bons e antigos funcionários, existe os desperdício de tempo em preencher vaga de vendedoras sem pretensão de bom desempenho ou pensamento de crescimento na empresa.

    Conselhos para presidência: dar valor ao seu funcionário, existir Promocoes e aumento de cargos

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 11 meses

    Bom ambiente com ressalvas

    VendedoraEx-funcionário, saiu em 2014

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: a empresa é extremamente organizada e cumpre com os direitos trabalhistas. desde a entrevista foram super gentis comigo e se tem abertura para falar com a gerente sobre mudanças de horaario ou coisas parecidas.

    Contras: no extra natal, as vendedoras precisavam esticar duas horas todos os dias obrigatoriamente, o que era só na Oh, Boy! que acontecia no shopping. As promoções da loja não são tão boas, o que a deixou pra trás na época de natal.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Boa empresa, mas varejo na Oh, Boy! é sinônimo de competitividade, não equipe.

    VendedorEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: - Empresa bem organizada; - Rh comunicativo e presente; - Eventos de divulgação que estimulam os funcionários; - Produtos de boa qualidade; -Bom diálogo entre gerente e vendedoras; - Excelente VM.

    Contras: - Ambiente extremamente competitivo; - Ascensão muito demorada; - Julgamentos constantes; - Pressão em excesso; - Poucos bônus; - Horários inflexíveis.

    Conselhos para presidência: Incentivar mais o espírito de equipe e cooperativismo.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 2 anos

    Uma empresa boa de trabalhar

    VendedorEx-funcionário, saiu em 2014

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Oportunidade de crescimento, empresa organizada, lojas limpas, pagamento em dia, tive boa relação com gerente e empresa, possui aulas de treinamento etc

    Contras: Não estimulam os funcionários, por conta disso muitos preferem sair. Trabalhei na loja OFF, e eles tratam a loja como um nada, não é nem um pouco atrativa e não dão ênfase nas funcionárias como dao nas funcionárias das lojas de coleção.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    A empresa só se preocupa com números

    Vendedor Comissionado

    Curitiba, PR


    Prós: A marca em si. O ambiente, horários

    Contras: Uniforme que temos que pagar, salario

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Oh, Boy!
RH: quer atrair bons talentos?