Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Odebrecht Agroindustrial?

Ver todas as avaliações

  • Há 7 meses

    Empresa boa, porem, não espere ficar mais do que 3 anos.

    Ex-funcionário, saiu em 2017


    Prós: Bom ambiente de trabalho e remuneração compatível com o mercado. Boa localização do escritório e boa estrutura disponível para realização do trabalho.

    Contras: Não existe plano de carreira, muita gente já esta há anos sem saber os próximos passos da carreira. Além disso, não possui também nenhuma avaliação 360. A única avaliação é do chefe, porém, parece que os chefes estão olhando mais para seu próprio bônus do que para o dos funcionários.

    Conselhos para presidência: Verificar se realmente a cultura da empresa está sendo aplicada. Muitos dos funcionários estão há anos sem nenhum plano de carreira e cada vez mais estão ficando desmotivados. O P&O é extremamente passivo e só age quando o líder solicita. Porém, nos últimos anos, percebe-se que os líderes não estão tão alinhados com a cultura do desenvolvimento dos liderados, haja visto a grande rotatividade (turn-over) de funcionários que a empresa possui.

    Recomenda a empresa: Sim

Informações da empresa

Odebrecht Agroindustrial

Descrição:A Odebrecht Agroindustrial foi fundada em 2007, pela Organização Odebrecht, sua controladora. Produz e comercializa etanol e açúcar VHP e cogera energia elétrica a partir da biomassa. Sua produção de etanol é vendida às distribuidoras de combustível, que o utilizam como etanol hidratado (o álcool combustível) e etanol anidro (o álcool acrescentado à gasolina), e para a indústria química e petroquímica para a produção de biopolímeros. Toda a produção de açúcar é exportada, e a energia que cogera lhe dá autossuficiência energética e o excedente é vendido para a o sistema elétrico brasileiro e para o mercado livre. Com sede na cidade de São Paulo, a empresa tem sua base de operação no Brasil e tem Unidades Agroindustriais em quatro estados brasileiros: São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. Nestes estados, opera por meio de polos produtivos para garantir maior sinergia entre as operações agrícolas e industriais.

Site

RH: quer atrair bons talentos?