• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver entrevistas de emprego em empresas similares

Entrevistas de emprego na Nubank para Engenheiro de Software

Como foi a entrevista de emprego?

  • 66%

    Boa

  • 16%

    Neutra

  • 16%

    Ruim

Como conseguiu a entrevista de emprego?

  • 0%

    Agência de recrutamento

  • 83%

    Candidatou-se online

  • 0%

    Indicação

  • 0%

    Recrutador

  • 16%

    Pessoalmente

Nível de dificuldade

3.3 Neutra

Difícil (5) Neutra Fácil (1)

Cargos com mais entrevistas de emprego

Entrevistas de emprego na Nubank para Engenheiro de Software

6 entrevistas de emprego

remover filtros
  • Há 5 meses

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Recebi e aceitei proposta de emprego
    • Experiência positiva
    • Entrevista de emprego difícil

    Candidatura: Candidatou-se pessoalmente. O processo seletivo durou aproximadamente 1 mês. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de outubro de 2017.

    Entrevista: Foi um processo de seleção extenso. Contudo, foi um processo justo, onde eu tive a oportunidade de expor meus pensamentos e demonstrar como eu gosto de trabalhar.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Foi realizado uma sabatina de perguntas sobre o projeto que eu havia submetido.

    Negociação: Recebi uma oferta e pedi um valor acima da oferta inicial e acataram o que eu pedi.

  • Há 5 meses

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Recebi e aceitei proposta de emprego
    • Experiência positiva
    • Entrevista de emprego normal

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 2 meses. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de janeiro de 2017.

    Entrevista: O processo é composto de 4 etapas: uma entrevista por hangouts, um exercício, uma conversa sobre o exercício e um pareamento em cima do exercício. O exercício é um projeto para ser desenvolvido em uma linguagem funcional. Pude estudar durante duas semanas antes de receber o enunciado, e durante todo o processo pude conversar com engenheiros de lá, recebendo ajuda sempre que solicitei. Aprendi muito durante o processo, e não me senti intimidada em nenhum momento. Recebi feedbacks sobre o código que enviei, o que foi bem legal. O único problema com o processo é o tempo que leva, já que o exercício é relativamente grande e precisei estudar programação funcional e clojure antes de fazer o exercício (levou em torno de 2 meses entre eu me inscrever na vaga e ser contratada). Mas valeu muito a pena!

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Como você se mantém atualizada sobre as novas tecnologias?
    R: Através de feeds, notícias da área em "jornais online", e de cursos online

  • Há 7 meses

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Não recebi oferta
    • Experiência positiva
    • Entrevista de emprego fácil

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 15 dias. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de setembro de 2018.

    Entrevista: O processo seletivo foi por etapas: Envio de currículo, screening por video call e posteriormente uma entrevista presencial na empresa. O foco da entrevista presencial é mais direcionado a filtrar candidatos que se encaixam na cultura da empresa, e em segundo plano as qualidades técnicas. Essa etapa é uma maneira de observar a empresa e as pessoas que trabalham nela, que por sinal são em sua maioria jovens e com disposição. Eventuais despesas para participar do processo foram pagas pela empresa, o que é um ponto positivo.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Não houve perguntas difíceis. A intenção é observar como o candidato se comporta socialmente e como ele irá manter a estrutura cultural da empresa.
    R: Todas as perguntas foram respondidas de maneira transparente.

    Recebeu Feedback?
    • Recebi
  • Há 11 meses

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Não recebi oferta
    • Experiência neutra
    • Entrevista de emprego normal

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 3 meses. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de janeiro de 2018.

    Entrevista: Passei por uma experiencia parecida com a de um relato postado aqui, processo seletivo bem longo, da a impressão de deixar o candidato um pouco de lado ao longo do processo. A etapa de pair-programming não ficou muito clara como ocorreria tendo em vista que cada empresa faz pareamento de uma forma na contratação. Não ficou claro se passarariam um exercicicio pra ser resolvido na hora, se seria um pair programming com os membros do time, e se seria necessário levar seu notebook tendo em vista que se for pra desenvolver uma feature completa no caso do clojure, o ambiente de desenvolvimento habitual do candidato é primordial. Em fim a empresa parece ser legal, e o processo seletivo antes do estagio final é interessante, mas a etapa final de pair programming me pareceu confusa e o feedback final bem genérico. Tenho certeza que já perderam a oportunidade de ter excelentes devs no time por causa de erros simples de se corrigir nesta etapa.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: O que sabe a respeito de programação funcional ?
    R: Já trabalhei com Elixir por um tempo e venho estudando clojure.

    Recebeu Feedback?
    • Recebi
  • Há 12 meses

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Não recebi oferta
    • Experiência negativa
    • Entrevista de emprego normal

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 14 dias. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de outubro de 2017.

    Entrevista: O processo é dividido em várias etapas. A primeira é aquela entrevista básica (remota) onde contam um pouco da empresa e você fala de si, suas experiências e porque quer trabalhar ali. Eles também aproveitam para te contar como será o processo todo e te passam um desafio técnico que deve ser resolvido em uma linguagem funcional no prazo de duas semanas. Depois disso, é a entrevista presencial, onde você basicamente apresenta a sua solução da fase anterior e explica suas decisões de projeto. Por último, você passa um dia comum na empresa com a sua possível futura equipe, ou algo assim. Apesar de a comunicação ser clara, eu tive uma experiência bem negativa com o processo. No meu caso, aprendi a linguagem funcional e resolvi o teste em 1 semana. Pouco depois, agendamos a entrevista presencial. Expliquei ao entrevistador os detalhes do meu código, provavelmente para ele se certificar que não paguei ninguém para responder o teste por mim. Eventualmente, ele fazia perguntas ou críticas construtivas, mostrando novas abordagens e explicando as convenções que eles usam. Mas, em todos os casos, ele sempre acrescentava que isso era a forma convencional, que não esperavam que alguém que recém aprendeu a linguagem já soubesse isso ou que havia tempo para pegar essas manhas. Também frisou várias vezes: "mas não se preocupe, isso não vai impactar na sua avaliação". Dois dias depois, recebo a resposta. Reprovado! O motivo? Os exatos mesmos que o entrevistador disse que não iam impactar na minha avaliação. A pior parte é que esses motivos eram estritamente ligados ao código, não era uma questão de plágio, déficit teórico ou algo que só pudesse ser detectado ao vivo. Dado que um time de desenvolvimento já havia analisado meu código previamente (o entrevistador me contou), concluí que já havia sido reprovado antes mesmo de chegar para a tal entrevista. Afinal de contas, nada que eu dissesse pessoalmente poderia fazer o entrevistador mudar de ideia quanto ao meu código. Não consegui tirar da cabeça que o entrevistador já sabia de tudo e, ironicamente, não mentiu quando disse que nada ia impactar o meu resultado já definido. Não podiam me mandar o e-mail de reprovação, apenas? Fiquei pensando se isso acontece com todos ou se só eu fui feito de palhaço, gastando meu tempo e dinheiro numa excursão ao Nubank a troco de nada. No final da entrevista, ele ainda me conduziu por uma visita guiada. Pensando em retrospectiva, deve ser uma tática para deixar os candidatos maravilhados com a empresa. Principalmente porque no e-mail de rejeição dizia para não desistir e tentar de novo futuramente. Hum... acho que não.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Já trabalhou com Haskell, Scala, Clojure ou outra linguagem funcional?
    R: Até então, só mexi com Erlang. Mas me interesso pelo tema e aprendo rápido.

    Recebeu Feedback?
    • Recebi
  • Há mais de 1 ano

    Entrevista de emprego para Engenheiro de Software

    Candidato em São Paulo, SP


    • Não recebi oferta
    • Experiência positiva
    • Entrevista de emprego muito difícil

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 21 dias. Foi entrevistado na empresa Nubank, no mês de maio de 2017.

    Entrevista: O processo foi bastante interessante. Fui entrevistado por um engenheiro de software sênior da Nubank que apresentou os processos da empresa e perguntou sobre o meu passado profissional e acadêmico, além das minhas pretensões em se candidatar a esta vaga na Nubank. Após isso, um desafio de desenvolvimento de um pequeno software a ser desenvolvidos em duas semanas foi apresentado para ser realizado em Clojure, Elixir, Scala ou linguagens correlatas.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Qual é o seu nível de interesse em linguagens funcionais.
    R: Pessoal. Melhor estar interessado, a tecnologia da empresa se baseia nisso.

    Recebeu Feedback?
    • Recebi

Informações da empresa

Nubank

Descrição:O Nubank é hoje a principal fintech da América Latina. Em 2014, a empresa lançou seu primeiro produto, um cartão de crédito sem anuidade que é gerenciado inteiramente por um aplicativo móvel. Mais de 20 milhões de pessoas já pediram o cartão e a empresa tem hoje mais de 5 milhões de clientes. Em 2017, o Nubank também lançou seu programa de benefícios, o Nubank Rewards, e a NuConta, conta digital que já é usada por mais de 2,5 milhões brasileiros. Até hoje, o Nubank já captou cerca de US$ 420 milhões em sete rodadas de investimento. Recentemente, a revista Fast Company elegeu o Nubank como 3a empresa mais inovadora no ranking Most Innovative Companies de 2018. Saiba mais em www.nubank.com.br.

Site