Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Mary Kay do Brasil?

Ver todas as avaliações

  • Há mais de 2 anos

    O encanto está acabando e é uma pena.

    Líder de Grupo


    Prós: Incentivos, reconhecimentos, valorização da auto-estima, valores da empresa, clima entre colegas, crescimento pessoal, treinamentos online, treinamentos presenciais, plano de carreira, possibilidade de ter o próprio time e liderar da forma que achar melhor.

    Contras: Depois que entra não é tão cor de rosa assim: Tem que ter dinheiro pra investir. E não é pouca coisa. Precisa gastar uma grana muito alta para começar a ter lucro. Diretoras malucas que visam o lucro em cima do time sem pensar na situação de cada consultora estimulam negativamente a competição, (sugerir fazer um pedido de 20 mil reais para ter um bom lucro, mas a consultora se sente culpada e sem saber de onde tirar esse dinheiro), falta de tato das diretoras para lidar com as consultoras que não lidam tão bem com pessoas. Incentivam a fazer pedidos altos e a atropelar a tudo e todos para conseguirem o que querem como por exemplo pedir dinheiro ou cartão para familiares ou aumentar o limite do cartão só para fazer um pedido grande. A carreira é explicada de forma clara, mas quando a consultora se dá conta que tem que cadastrar pessoas para fazer parte do time acabam se desesperando e quebrando a regra de ouro, atropelando a decisão e vontade das futuras consultoras, querendo cadastrar só para fechar qualificação e pontuar para o carro rosa. Você só começa a realmente ver a cor do dinheiro quando mantém um número grande de clientes e se a consultora não consegue isso ou não tem jeito com pessoas fica pra trás. Nem todas tem 2500 reais para gastar inicialmente ou ficam com produtos encalhados porque mesmo se esforçando não conseguem vender tudo. Obrigatoriedade de estoque é um ponto bastante negativo também. Sabemos que mulheres compram por impulso, mas é realmente muito ruim ouvir nos treinamentos que é praticamente obrigatório gastar os tubos para ter um estoque, senão nem se preste a começar o negócio.

    Conselhos para presidência: Reduzam o valor dos pedidos urgentemente. 40% é uma faixa de lucro interessantíssima, mas nem todas conseguem gastar 1500-2500 todos os meses ou sequer vender tudo que compraram por mais esforço que façam. A Mary Kay parte do pressuposto que todas as consultoras conseguem manter o capital girando e o estoque sempre vazio, só que não é bem assim. Quem consegue isso já precisa estar consolidada ou ter muita cara de pau/desespero pra vender e a porcentagem de pessoas que se dão bem é pequena. Façam os requisitos de carreira mais acessíveis. Baixem os preços de alguns produtos para ficarem mais competitivos para venda. Não precisa ser o preço Avon, mas tem produtos que são impraticáveis de vender porque ninguém quer gastar 99 reais num blush. Punir com mais severidade quebra de regra de ouro. Evitar a obrigatoriedade de ter que fazer pedido de pontuação definida a cada 3 meses para estar ativa. Façam a troca de iniciadora ou diretora ser mais fácil. Realmente é complicado estar numa empresa onde exista tanta burocracia pra tudo.

    Recomenda a empresa: Sim

Informações da empresa

Mary Kay do Brasil

Descrição:Mary Kay é uma empresa americana de venda direta de cosméticos, fundada em 1963 em Dallas, Texas (EUA), por Mary Kay Ash. Atualmente, a empresa está presente em mais de 35 países, sendo considerada uma das maiores empresas de cosméticos do mundo. No Brasil, a empresa chegou em 1998 e atualmente figura entre os grandes players do setor. O grande diferencial da Mary Kay é oferecer às suas Consultoras de Beleza Independentes um plano de desenvolvimento profissional estruturado, que possibilita que cada uma dessas mulheres seja dona de seu próprio negócio e responsável pelo seu desenvolvimento profissional e financeiro. A empresa possui programas de incentivo, que incluem materiais educacionais, bonificações, prêmios em jóias, viagens internacionais e até o direito de uso de um carro cor-de-rosa, ícone da marca no mundo inteiro.

Site

RH: quer atrair bons talentos?