Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Legião da Boa Vontade (LBV)?

74 postagens (12 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.33
  • Remuneração e benefícios
    3.10
  • Oportunidade de carreira
    2.40
  • Cultura da empresa
    3.30
  • Qualidade de vida
    2.70

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 10 meses

    Tem muito a melhorar

    Operador de TelemarketingEx-funcionário, saiu em 2016

    Belo Horizonte, MG


    Prós: Ensinamento ecumênico, cultos sempre no primeiro dia do mês com os funcionários, e alguns trabalhos sociais com jovens crianças e também idosos

    Contras: So olha o bem estar da empresa, como por exemplo nao olhar o contribuinte sempre forcando 3 tentativas de negociações e comicionando funcionários

    Conselhos para presidência: Nao olhar só o lado da empresa também pensar q do outro lado da linha existe alguem q nao sabemos a condições q estão, e acho muito forçado as negociações as vezes chega a ser frio o modo q os coordenadores tratam os op

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 10 meses

    Operador de Telemarketing

    Brasília, DF


    Prós: 6 horas de trabalho. Plano de saúde e odontológico, apesar da co-participação ser um absurdo. E poder fazer um trabalho social bom, é legal ajudar o próximo.

    Contras: Não realiza o que prega. Gerente regional e gerente local ignorantes, maldosos , desumanos, etc. Rh sem profissionalismo. Salários incompatível com a função, ticket alimentação de 170,00 é um absurdo, não reconhece seus profissionais, e não aceitam opiniões para a melhoria e quem fala alguma coisa que está errado é perseguido, abuso de poder, desrespeito para com o subordinado

    Conselhos para presidência: Um funcionário reconhecido, trabalha motivado e principalmente com seus direitos garantidos. E nada se resolve no grito e na maldade. Não é isso que Jesus deixou pra nós e principalmente pessoas que dizem "PREGADORES ".

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    nao voltaria a trabalhar la

    Operador de Telemarketing AtivoEx-funcionário, saiu em 2015

    Belo Horizonte, MG


    Prós: Pagamento de salario correto, nao atrasam sao sempre honestos com os pagamentos. Ambiente confortavel para trabalhar. O horario é flexível, nao trabalhava domingo.

    Contras: Eu nao concordo com o trabalho deles, a forma como tratam os operadores.vc nunca tem razao em suas reclamacoes apenas eles. Penalizam com advertencia os operadores por qualquer motivo.

    Conselhos para presidência: Tratar todos com respeito e da mesma forma para que os trabalhadores também possam retribuir esse respeito.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    negativo

    Teleoperador

    Florianópolis, SC


    Prós: Flexibilidade de horário apenas

    Contras: Lanche , pressão , e tudo mais

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    lbv so ilusão

    Operador de Telemarketing

    Brasília, DF


    Prós: so isso apenas a carga horária

    Contras: falta de respeito com o funcionario

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 5 meses

    Na teoria, é uma boa empresa. Mas na prática..

    Telemarketing AtivoEx-funcionário, saiu em 2016

    Goiânia, GO


    Prós: É uma empresa onde você se sente realmente perto de Deus, ajudar os menos favorecidos é sempre bom. Além dos cultos, os outros funcionários são boas pessoas e quase sempre, formam uma segunda família.

    Contras: Metas simplesmente impossíveis e desumanas, superiores mal educados que descontam do seu salário cada vez que respira. Implicam com a sua ida ao banheiro ou beber água, e exigem no treinamento que você conte pequenas mentirinhas pra atrair o contribuinte.

    Conselhos para presidência: Um lugar que reconhece o trabalho dos seus funcionários, respeita suas diferenças e seus limites, funciona melhor. Sinceramente, acredito que só quem fala bem da empresa, é quem ainda trabalha lá por não conseguir algo melhor ou as pessoas que estão lá porque são parentes e amigos dos superiores, o que acontece muito. O meu conselho para a empresa é: Ser bom ao próximo SEMPRE, e não só quando CONVÉM.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    Salário incompatível

    Funcionário


    Prós: Horário flexível,bons colegas de trabalho e ALGUNS coordenadores competentes, gerência faz o que está ao seu alcance mais nada alem disso...realmente ajuda muito quem precisa isso é fato...

    Contras: -metas absurdas -incopetencia da gerência para melhorar a questão do salário é ticket alimentação -tudo que se faz e descontado do seu salário até msm a segunda via do contracheque sendo 0,50 centavos por folha -salario incompatível com outros lugares E muitas outras coisas

    Conselhos para presidência: Melhorar a gerência seria fundamental,dando a eles um certo "poder" para reconhecer bons funcionários e ajudar quem realmente planeja meta...ou seja separar o joio do trigo....a empresa de Brasília tem uma gerente maravilhosa mais que não resolve muito todos os problemas por falta de um parecer de uma gerência maior...

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    funcionarios otimos mas a qualidade da empressa não

    Educador Social

    Campinas, SP


    Prós: a escola tem bons beneficios , mas o salario não é o mais alto existe lugares que tem o salario maior do que lá funcionarios otimos e todos são amigos

    Contras: gerencia ruim, qualidade de estrutura pouca . não tem materia e espaço para realizar os trabalhos as crianças nao tem oa alimentação e materiais pedagogicos

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Quanto ao trabalho Social: Maravilhosa / Quanto ao Trabalhista: Péssima.

    Ex-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Sua parte social é excelente. Não mede esforços para ajudar àqueles que precisam. O ambiente de trabalho é tranquilo e as pessoas costumam ser receptivas e parceiras, claro, para tudo existe uma exceção.

    Contras: Infelizmente o grande trabalho voluntário e social não é extendido para a gestão do ambiente de trabalho. Gestores pensando apenas em lucro, redução de despesas e de equipe de trabalho, agregando mais tarefas para um único funcionário, sem conceder uma remuneração de acordo com o trabalho exercido. Em algumas áreas exige-se que o funcionário fique além do horário mas não é pago adicional noturno tão pouco hora extra. Esta ação é chamada por lá de 'Trabalho Voluntário'. Caso você não tenha família dentro da empresa, as chances de você crescer de cargo são realmente muito pequenas, é de maior valor subir alguém que tenha 'Sobrenome' do que alguém que não tenha este "privilégio" e apresente um trabalho de qualidade. Os aumentos de salário costumam acontecer somente na época de dissídio, fora desse período, é raro ver a empresa conceder este prêmio a seus funcionários pelo bom trabalho exercido. Não possui muitos benefícios: Vale Transporte, Assistência Médica (co-participacao), Assistência Odontológica (co-participacao), refeição no local (com uma % descontada da folha de pagamento de cada funcionário) e cesta básica.

    Conselhos para presidência: Se atentar ao grande 'apadrinhamento' que existe na Instituição. Conceder salário condizente com o trabalho e esforços concedidos pelos funcionários, colocar em pratica meritocracia.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    minha passagem pela lbv

    Funcionário


    Prós: Registro, pagamento Benefícios

    Contras: Não sabe entender o funcionario

    Conselhos para presidência: Saber entender o lado do funcionario, não exigir tanto pois o salário que pagam não corespondem

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Legião da Boa Vontade (LBV)

Descrição:A Legião da Boa Vontade (LBV) é uma empresa de assistência social criada em 1950, no Rio de Janeiro. Atua em dezenas de localidades brasileiras prestando atendimento a crianças e idosos. Possui 70 unidades socioeducacionais como escolas, centros comunitários e abrigos para idosos, com a presença de funcionários e voluntários que desejam ajudar a entidade. Está presente também em Portugal, Argentina, Paraguai, Uruguai, Bolívia e Estados Unidos.

Site

RH: quer atrair bons talentos?