Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Hive Comunicação?

6 postagens (1 avaliação nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

1.00
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    1.00
  • Cultura da empresa
    1.00
  • Qualidade de vida
    1.00

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há mais de 2 anos

    Ótimo lugar!

    Ex-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Ambiente muito descontraído, pessoas inteligentes e legais, ceo de fácil acesso, oportunidade de aprendizado e crescimento.

    Contras: Projetos muito iguais, acaba ficando na mesmice e enjoando do que se faz.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 anos

    A empresa precisa melhorar

    Gerente de Recursos Humanos (RH)

    São Paulo, SP


    Prós: Possui um ambiente de colaboração e as pessoas gostam de trabalhar em time

    Contras: A empresa não possui um política de meritocracia assim as pessoas não conseguem progredir.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 2 anos

    Há pontos positivos e negativos.

    Ex-funcionário, saiu em 2015


    Prós: Ambiente de trabalho descontraído.

    Contras: A comunicação entre as equipes é falha.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Desorganização da direção, aceita qualquer trabalho sem se preocupar em realmente lucrar

    Gerente de Projetos (GP)Ex-funcionário, saiu em 2016

    São Paulo, SP


    Prós: Possui bons profissionais de desenvolvimento e ambiente tranquilo de se trabalhar. Horário flexível de entrada e salario competitivo pro mercado.

    Contras: Não há horário pra saída. Não há brecha pra se ter uma vida fora da empresa, ou é dedicação total ou nada. Não paga hora extra e conseguir folga é muito difícil. Não possui processos definidos, trabalha em completa bagunça por essa razão desgastas os funcionários até o ultimo e ainda sim lucra muito pouco.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 mês

    Zona de altos níveis de extração de vida.

    Desenvolvedor Front EndEx-funcionário, saiu em 2013

    São Paulo, SP


    Prós: Clientes grandes, flexibilidade na horário de chegada (mais detalhes em "Pontos Negativos"), um certo distanciamento entre trabalho e pessoal.

    Contras: Empresa extremamente ameaçadora pois com a magnitude dos clientes, não sei se eram somente projetos assim, mas o que eu atuei tinham sempre um caráter de urgência pré-apocalíptica, nunca era possível desenvolver de maneira confortável, pensando no que se estava fazendo. Eram sempre concursos, promoções, apesar de eu ter podido lidar com 3 projetos de utilidade a longo prazo, eles pareciam encarar esses também com o mesmo ar descartável que os concursos tinham. Ou seja: você não pode ter esmero, não pode significar melhor o que o teu dia a dia de 8+ horas lá dentro podem ser pra sua carreira, pra tua vida. A perspectiva diante de teu desenvolvimento é nula, o que eu acho que é um mal recorrente em empresas de comunicação digital: você sente que aquilo é como um trabalho temporário, que não tem capacidade de te envolver por longos anos, e não somente por falta de perspectiva, mas sim porque tem uma hora em que você não consegue ver sentido em se desgastar tanto, e deixar a sua vida tão de lado, paralela, a ponto de você não saber mais o que é no mundo. Eles não tinham a política de passar freelas para os "funcionários" (era PJ lá, pelo menos pra mim) mas à época, ou o mercado não tinha nível técnico ou era desespero mesmo, eles aceitaram me passar um dos 3 projetos de longo prazo para o "segundo turno". Por vezes eu atuava lá mesmo, outras de casa, e os dias estavam ficando mais e mais curtos. O máximo que eu trabalhei nesse ritmo foi um pico de 16 horas seguidas, com café, almoço, e janta, todos delivery ou no trânsito entre ambientes. Ou seja: while (trabalho) {casa--}, até um stack overflow mental se estabelecer. Fui dispensado porque fui no médico e ele me diagnosticou com tendinite e, assim que eu mandei o atestado, recebi o "muito obrigado, mas..." por email, nem findo o prazo do atestado estava.

    Conselhos para presidência: Existem seres humanos aí dentro, não só aqueles que ficam massageando você enquanto jogam videogame no salão.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 2 anos

    perdidos

    Agente de AtendimentoEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: a hive eh uma empresa pequena, com clientes gigantes mas que ainda mantem um ar descontraido

    Contras: trabalho excessivo para pouca gente, salario baixo, beneficios ok

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Hive Comunicação
RH: quer atrair bons talentos?