• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Grupo Viceri?

29 postagens (13 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.38
  • Remuneração e benefícios
    3.08
  • Oportunidade de carreira
    3.08
  • Cultura da empresa
    3.31
  • Qualidade de vida
    3.69

Recomendam a empresa a um amigo


  • Há 16 dias

    Aqui você não é só um número.

    Analista de Qualidade

    Jundiaí, SP


    Prós: O ambiente da empresa é ótimo. Todos são muito receptivos e dispostos a ajudar. O esforço e investimento da empresa em capacitação técnica é digno de aplausos.

    Contras: Não há nada relevante a pontuar. É uma empresa pequena com postura e visão de multinacional. Uma empresa feita por pessoas para outras pessoas.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 24 dias

    Decepção...

    Developer Analyst

    Jundiaí, SP


    Prós: Gostaria de trazer alguns pontos positivos aqui porém todos esses pontos são comprometidos com os pontos negativos. Muitas ideias boas que na prática não acontecem.

    Contras: Carga horária exacerbada, possibilidade de home office em pleno 2019? Não tem. Falta de organização dos gestores, a demanda já vem toda desregulada para o time. Mas quem leva a culpa? A parte mais fraca da corda. Falta equipe, não adianta vender um projeto com 8 devs e a equipe ter 2!! Vcs só estao visando no lucro e vendendo q os profissionais são valorizados mas na verdade vcs sabem que é mentira. Isso cansa demais! Ja perderam colegas de trabalho excelentes, isso tirando as demissões misteriosas q geram um clima de medo. Trabalhar com medo não é nada produtivo! Não adianta vir com novos projetos se a gente não tem tempo nem de terminar o projeto em que estamos atuando, e ainda penalizar os que não participarem. A empresa vem decaindo, e recebemos propostas diariamente em SP. O que segura é a localização.

    Conselhos para presidência: Não adianta dar conselhos q nunca serão ouvidos. Melhor continuar agindo como se tudo estivesse bem. Deitar a cabeça no travesseiro tranquilo.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 mês

    Boa para inicio de carreira, mas ruim em vários aspectos. Não se apegue.

    Analista Programador.Net JúniorEx-funcionário, saiu em 2018

    Jundiaí, SP


    Prós: Ótima empresa para se começar uma carreira de TI. Possui um programa de formação profissional para universitários que já ajudou e ainda ajuda a muitas pessoas. O clima entre os membros das equipes é de amizade, companheirismo e descontração. Dress code bastante flexível e descontraído também. No geral é uma empresa "Ok" para se trabalhar se você mora na região, à qual devo muito pelo meu início de carreira.

    Contras: Alguns dos muitos pontos minimamente curiosos a respeito da empresa: - A empresa, de modo geral, é muito desorganizada. Os profissionais captados por meio do programa "Formação de Talentos", tão logo entram na empresa e são expostos a desafios desproporcionalmente pesados para sua bagagem técnica. - Existe lá um discurso de empoderamento profissional, do qual pouco se vê aplicações concretas. De fato, os profissionais da empresa têm pouquíssima liberdade de autogestão, devido a processos engessados, gestores com posturas autoritárias e demasiada influência dos clientes sobre a forma como as equipes trabalham. - É comum ouvir que overtime é algo indesejável, mas é justamente a primeira proposta quando os projetos saem dos trilhos (muitas vezes devido a falta de organização da própria empresa). Em verdade, é esperado que os profissionais se disponham a trabalhar, possam eles ou não. Inclusive recentemente se instaurou uma certa "Universidade Corporativa", que supostamente deveria ajudar os profissionais em seu desenvolvimento, seja pessoal ou profissional, mas que nada mais é do que um mecanismo convencê-los de que se algo os incomoda ali, é porque eles têm um "mindset fixo" e não pensam suficientemente "fora da caixinha". - Feedback é algo quase inexistente, e nas raras ocasiões em que é oferecido, serve apenas como desculpa para dizer que o profissional foi advertido antes de ser desligado. - A alta gestão da empresa é completamente autocrática e isso influencia todas suas esferas. Pouquíssimas oportunidades de crescimento profissional podem ser usufruídas por aqueles que não são tão íntimos das pessoas no topo da organização. Não raramente, novas oportunidades são abertas para pessoas de fora em detrimento de pessoas competentes que já atuam na empresa, que de fato se preocupa muito pouco com retenção de profissionais. Muitos profissionais inclusive abandonam a empresa devido à baixa remuneração oferecida. - É comum presenciar demissões misteriosas e com justificativas pífias, inclusive de profissionais de recém promovidos, mas que estranhamente "não atendiam aos padrões da empresa", ou simplesmente "não eram bons profissionais", o que termina por gerar um grande clima de insegurança. Recentemente a empresa tem investido muito em sua imagem, provavelmente em função de fatores como os supracitados. Eventualmente alguns dos pontos podem ter sido ajustados, mas a impressão é de que precisam urgentemente que voltem a acreditar na empresa.

    Conselhos para presidência: Sejam mais transparentes, e dêem mais autonomia aos seus profissionais. Não se preocupem em vender muito, mas sim vender com qualidade. Dêem oportunidades, assistência e valor para quem já está com vocês. Espero que o CEO um dia reveja suas atitudes e intenções para com a empresa, que tem um potencial imenso, porém não aproveitado, e também que reveja as pessoas que escolheu para estar ao seu redor na gestão.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 2 meses

    ProgramadorEx-funcionário, saiu em 2018

    Jundiaí, SP


    Prós: A empresa é boa para quem esta começando e trabalhe com ferramentas Microsoft. O Ambiente é descontraído e o pessoal é bem solicito e amigo. Tem alguns incentivos para tirar certificação (A empresa paga a maior parte da certificação, se você passar). Agora tem um programa de carreira que ainda esta se adaptando

    Contras: A empresa não valoriza os funcionários que já estão na empresa, prefere contratar profissionais que não tem todos o conhecimento das regras de negócios e conhecimento técnico, do que promover o profissional que já tem todo a experiência tanta da própria viceri quanto do cliente. O que acaba desmotivando e perdendo grandes profissionais. Tem muitos programas como Universidade Corporativa, que serve entre outras para o crescimento profissional mas se pensar deferente da "professora" você tem um "mind set fixo" e utilizam horas trabalho e não pode faltar. Muitas mudanças em pouco tempo

    Conselhos para presidência: Valorize os profissionais que já estão na empresa antes de contratar um outro com um nível acima. Pense em programas mais técnicos que possa aprender uma nova tecnologia, por exemplo.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 2 meses

    Amadorismo

    Analista DesenvolvedorEx-funcionário, saiu em 2018

    Jundiaí, SP


    Prós: Pagam em dia o salário e outros benefícios e vendem muito bem a ilusão de organização e local ideal pra crescimento profissional. Local é limpo também.

    Contras: Empresa que precisa amadurecer muito ainda, não possuem processo de desenvolvimento de software, dizem usar scrum mas não sabem nem como identificar uma user story, a gerência é míope e a tal meritocracia e plano de carreira só existe no ppt. Engraçado que pedem pra o pessoal se "comportar" quando vai um cliente visitá-los. Patético.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 4 meses

    uma boa empresa para aprender mas dificil para crescer

    Funcionário

    Jundiaí, SP


    Prós: A cultura da empresa é muito agradável, o ambiente é amigável e a empresa é flexivel dependendo do seu trabalho e do seu gestor. O RH está sempre disposto a ajudar e motivar os funcionários.

    Contras: O Grupo Viceri é uma empresa que está crescendo mas ainda tem uma gestão familiar. Trabalha com algumas formas de reconhecimento mas os funcionários não se sentem ouvidos por seus gestores, a opinião de todos da equipe nem sempre é levada em consideração. Os salários muitas vezes não são compatíveis com o mercado e se preocupam em valorizar a pessoa quando ela manifesta a vontade de sair da empresa.

    Conselhos para presidência: Ouvir mais os funcionarios, não só os gestores.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 5 meses

    "Boom", todos no Grupo Viceri são palestrantes

    Desenvolvedor.NETEx-funcionário, saiu em 2017

    Jundiaí, SP


    Prós: Boa localização em Jundiaí, ambiente com pessoas bacanas, bom clima organizacional, bolo e salgadinhos para aniversariantes no fim do mês, oportunidade de trabalhar com ferramentas Microsoft.

    Contras: Do nada "boom" todo mundo do Grupo Viceri é palestrante. Vemos a empresa promovendo eventos na região, porém os salários e benefícios oferecidos aos funcionários está muito fora do padrão de mercado de tecnologia, chega a sr uma verdadeira hipocrisia a empresa pintar uma imagem de todos os funcionários são palestrante e especialistas em algum assunto, sendo que no dia a dia de trabalho sabemos que não funciona bem assim, além de não oferecerem uma boa remuneração e não tem oportunidade carreira e crescimento. Além de transmitir boa parcela dos funcionários como palestrantes, os mesmos que dão as palestras, no dia a dia de trabalho procrastinam e não ajudam os colegas nos projetos como deveria ajudar.

    Conselhos para presidência: Não pinte uma imagem de uma empresa "cool" quando sabemos que na realidade e na prática o Grupo Viceri continua engessado.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 5 meses

    Investimento na carreira

    Funcionário

    Jundiaí, SP


    Prós: Flexibilidade de horário, investimento na carreira, ambiente descontraído e saudável para se trabalhar, sinto que faço a diferença aqui. Possuímos liderança orgânica, favorecendo a autonomia, desafios, foco, onde todos possuem o mesmo nível de importância.

    Contras: Não consigo encontrar pontos negativos na Viceri, pelo tempo que estou aqui, vejo que a empresa vem buscando cada dia melhorar seus processos.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 5 meses

    Ótima empresa para se trabalhar

    Funcionário

    Jundiaí, SP


    Prós: Empresa que realmente proporcionou o meu desenvolvimento e crescimento profissional. O CEO sempre busca formas de inovar trazendo novas ideias do Vale do Silício. O ambiente é super descontraído e agradável, com espírito de família e com horário flexível. E ainda podemos usar bermudas todos os dias!!

    Contras: Pelo tempo que estou aqui, não encontrei nenhum aspecto negativo. Empresa que está em crescimento, sempre buscando meios de entregar o melhor para seus clientes e profissionais.

    Conselhos para presidência: Parabéns por suas iniciativas e por sempre estar acompanhando o desenvolvimento dos profissionais. Continue assim!

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 6 meses

    Orgulho por fazer parte!

    Funcionário

    Jundiaí, SP


    Prós: A empresa se preocupa com o colaborador, se preocupa em manter o ambiente agradável e esta sempre aberta a ouvir novas ideias e opiniões, fazendo com que todos se sintam importantes e que realmente fazem parte do Grupo

    Contras: A empresa precisa investir mais em marketing, tornar a marca mais conhecida, pois somos um empresa forte no mercado, preza pela qualidade de vida de seus colaboradores e isso precisa ser mais divulgado para atrair outros colaboradores e fazer com que nossos cientes sintam orgulho da parceria

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Grupo Viceri