Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Fundação Getúlio Vargas (FGV)?

187 postagens (44 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.59
  • Remuneração e benefícios
    3.19
  • Oportunidade de carreira
    2.83
  • Cultura da empresa
    3.00
  • Qualidade de vida
    3.48

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 2 anos

    Boa

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2009

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Bom clima de trabalho e relacionamento

    Contras: Sem possibilidade de crescimento

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Insatisfação total , mera ilusão de um dia alavancar na carreira, nunca será aqui !

    Auxiliar Administrativo

    Campinas, SP


    Prós: Flexibilidade nos horários somente!

    Contras: -salário baixo -grande volume de trabalho -falta de reconhecimento -falta de organização -falta de estratégias para empreender

    Conselhos para presidência: -Reestruturação total dos departamentos. -que a remuneração seja compatível com a atividade exercida nos departamentos -bônus por participação

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    Faça o que eu digo, não faça o que eu faço

    Ex-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: Flexibilidade na jornada de trabalho.

    Contras: Modelo administrativo conservador e ultrapassado.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    gaiola de ouro

    Professor

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: estrutura física e humana e salários e benefícios

    Contras: autoritarismo favoritismo e personalismo põem em cheque a independência acadêmica

    Conselhos para presidência: Critérios de governança acadêmica para contratações e demissões

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    A teoria ensinada nas salas de aula da instituição não são aplicadas no dia a dia da mesma.

    Assistente Financeiro ContábilEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Local de trabalho e infraestrutura.

    Contras: Burocracia em todos os processos, falta de plano de carreira, não reconhecimento e valorização dos colaboradores, nepotismo, entre outros.

    Conselhos para presidência: Acredito que vocês deveriam rever seus conceitos de liderança, pois vocês perdem bons colaboradores pelo ego inflado e pela falta de dicernimento e bom senso de seus gestores.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 3 anos

    Falta de reconhecimento de mão de obra

    Auxiliar Financeiro

    Campinas, SP


    Prós: Flexibilidade, mais nada .

    Contras: Engessamento , falta de oportunidade de crescimento,falta de sistema de gestão

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 3 anos

    Experiência péssima, nunca fui valorizada na empresa.

    Auxiliar Administrativo

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Em algumas determinadas áreas o funcionário não tem oportunidade de estudar. Em particular eu não tenho o que reclamar sobre isso, porém não há oportunidade de crescimento.

    Contras: Nada do que é ensinado é aplicado com os funcionários. Por exemplo: planejamento de carreira, gestão de pessoas e etc...

    Conselhos para presidência: Criar oportunidades e valorizar os funcionários que estudam na empresa. Em especial no meu setor criar incentivos para atingir a meta.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 11 dias

    Empresa não muito friendly com seus funcionários.

    CoordenadorEx-funcionário, saiu em 2013

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Ambiente acadêmico, possibilidade de fazer cursos de graça, colegas de trabalho com grau acadêmico alto, bom ambiente físico de trabalho, possibilidade de bonus 14 salarios com valores em 25%, 50%, 100% de salario de acordo com seu desempenho

    Contras: Pouca flexibilidade de horários inclusive quando se está doente e precisa ir ao médico, sem possibilidade de subir de cargo pois não tem plano de carreira

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 mês

    Se é DICOM, corra!

    Funcionário

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: A FGV é uma instituição respeitadíssima com muito prestígio nacional e também internacionalmente, as pessoas são bacanas e de diversas nacionalidades.

    Contras: O ambiente do Departamento de Marketing é terrível. O diretor é ultrapassado e machista e submete os funcionários a situações bem constrangedoras o tempo todo. A formação também é problemática, muita gente com baixo nível cultural o que torna o setor pouco interessante e fadado a disputas irracionais.

    Conselhos para presidência: A FGV merece uma diretoria de mkt a altura de um think tank.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 3 meses

    Designer InstrucionalEx-funcionário, saiu em 2015


    Prós: Salário sensivelmente acima da média no cargo ocupado; planos de saúde e odontológico dignos; salário não atrasa; dissídio ok; possibilidade (ainda que cada vez mais reduzida) de se conseguir bolsa em cursos da própria instituição.

    Contras: Hermetismo no acesso aos cargos de gerência, coordenação e supervisão, os quais são ocupados ou por herança ou por indicação, independente das miríades da qualificação ou experiências na área – o que talvez explique o desinteresse na consolidação de um plano de carreira. Não há incentivos à progressão acadêmica do funcionário e isso parece não fazer nenhuma diferença para os superiores, o que é um paradoxo, pois se trata de uma instituição de ensino superior; O Sistema de avaliação e bonificação por desempenho é duvidoso e parcial; Muitas "otimizações" (demissões) do quadro de funcionário ao longo do ano, criando a cultura temerosa de um ambiente tenso. Relações típicas do modelo de gestão autocrática em todas as situações, até nas mais descontraídas e fora do ambiente de trabalho (Dica: jamais tome um chope na hora do almoço com o seu chefe, mesmo se ele tomar, porque você pode ouvir coisa do tipo: mas ele pode, ele é chefe)

    Conselhos para presidência: ler com carinho o que escrevi em "pontos negativos" e promover o contrário daquilo tudo

    Recomenda a empresa: Não


Informações da empresa

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Descrição:A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi criada em 1944 com o objetivo de preparar pessoas para a administração pública e privada do País. Com foco no campo da administração, ampliou seu leque de cursos para ciências sociais e econômicas nos anos seguintes. Atualmente, possui 3.460 alunos de gradução, 1.291 alunos de mestrado, 377 alunos de doutorado, 110 universidades internacionais parceiras, 3 mil produções de professores, pesquisadores e técnicos.

Site

RH: quer atrair bons talentos?