Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Fundação Getúlio Vargas (FGV)?

Ver todas as avaliações

  • Há mais de 2 anos

    Ruim

    Auxiliar AdministrativoEx-funcionário, saiu em 2015


    Prós: Flexibilidade, horário, benefícios.

    Contras: Salário muito baixo, Não existe meritocracia, Chefes indicado e sem plano de carreira para funcionários

    Conselhos para presidência: A FGV é uma instituição conhecida e respeitada, porém não aplica nenhum método que ensina em sala de aula dentro da própria instituição. Não há oportunidades de crescimento profissional. Para ter bolsa em algum curso de MBA você terá que ter muita sorte ou ter algum conhecimento dentro da própria empresa. O que atrai na FGV é o próprio nome e a falta de pressão por parte dos Gestores, fazendo assim que você tenha certa tranquilidade para trabalhar.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Descrição:A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi criada em 1944 com o objetivo de preparar pessoas para a administração pública e privada do País. Com foco no campo da administração, ampliou seu leque de cursos para ciências sociais e econômicas nos anos seguintes. Atualmente, possui 3.460 alunos de gradução, 1.291 alunos de mestrado, 377 alunos de doutorado, 110 universidades internacionais parceiras, 3 mil produções de professores, pesquisadores e técnicos.

Site

RH: quer atrair bons talentos?