Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Fidelity Translations?

5 postagens (1 avaliação nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.00
  • Remuneração e benefícios
    3.00
  • Oportunidade de carreira
    4.00
  • Cultura da empresa
    2.00
  • Qualidade de vida
    3.00

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 4 meses

    Bom para primeiro emprego.

    Ex-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: Pagavam o salário certinho e tinham plano de carreira - quem fosse um bom revisor poderia ser treinado para se tornar tradutor posteriormente. Pessoas muito bacanas, foi uma boa primeira experiência.

    Contras: Rotatividade no cargo de CQ. Treinamento ruim, pois é um CQ que treina o outro, sem um supervisor. Me demitiram sem justificativa, dizendo que era corte da empresa, sendo que tinham contratado quatro pessoas para o mesmo cargo algumas semanas antes. O trabalho é feito manualmente, em papel, e depois, no fim do mês, precisamos rasgar esses papéis, nós mesmos. Prazos curtíssimos.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Salário razoável e muita pressão.

    RevisorEx-funcionário, saiu em 2016

    São Paulo, SP


    Prós: Pagamentos em dia, salário razoável para o cargo (trata-se de conferência de tradução) e oportunidade de crescimento para o cargo de tradutor (PJ), prestando serviço in loco ou externo. Bem localizado, com fácil acesso através do transporte público.

    Contras: Alta pressão de trabalho e ambiente muito fechado, com regras organizacionais muitas vezes inflexíveis. Falta de feedback por parte da chefia sobre o desempenho dos colaboradores do setor, gerando canais alternativos de informação.

    Conselhos para presidência: Requer estruturar melhor o plano de carreira para os funcionários do setor, explicitando melhor as intenções da empresa para com o colaborador. Também flexibilizar regras que, muitas vezes, estressam demasiadamente os funcionários, que já trabalham sobre alta pressão.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 2 anos

    Presidente fantasma

    Tradutor JúniorEx-funcionário, saiu em 2011

    São Paulo, SP


    Prós: Colegas tradutores, localização no centro, vista do escritório.

    Contras: Falta de reconhecimento e promoção na carreira. O dono da empresa nunca aparecia na sala dos tradutores.

    Conselhos para presidência: O presidente poderia interagir com os tradutores e aumentar o valor por página de acordo com a EFICIÊNCIA e qualidade do trabalho entregue pelo tradutor.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Empresa acima dos padrões nacionais

    Operador de Atendimento

    Jundiaí, SP


    Prós: Empresa organizada, paga os salários em dia. Dentre as empresas do setor de telecomunicações é a que mais se destaca, principalmente pela qualidade do atendimento.

    Contras: Não há, do ponto de vista do mercado de trabalho em geral, pontos negativos. Como ocorre em todas as outras empresas, existem aqueles que reclamam, porém a Fidelity proporciona possibilidades de crescimento para seus funcionários.

    Conselhos para presidência: No setor onde atuo não há o que aconselhar, somente que continue acompanhando as mudanças e realizando as melhorias que sempre são emplementadas

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Inove faça sua carreira com o que tem

    Funcionário

    Barueri, SP


    Prós: Você entra com zero de conhecimento e se esforçando sai muito bem instruído de lá. Os funcionários um ajudando o outro é a empresa da muita oportunidade pras pessoas.

    Contras: Não há plano de carreira, em muitos processos nem sempre o melhor passa, há muito quem indica, e isso faz com que muitos funcionários bons acabem saindo.

    Conselhos para presidência: Valorize mais os funcionários, funcionário é fácil de arranjar, porém, um que goste de verdade da empresa e veste a camisa, que seja honesto, correto é trabalhe certonho é difícil de encontrar no mercado.

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Fidelity Translations
RH: quer atrair bons talentos?