• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver avaliações para empresas similares
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) logo

Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC)

3.33

Como é trabalhar na Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC)?

Ver todas as avaliações

  • Há quase 2 anos

    FIESC tem que melhorar

    Funcionário


    Prós: É uma empresa que promove a estabilidade, tem um ótimo ambiente de trabalho. Existem bons benefícios e muito profissionais sérios e dedicados.

    Contras: PPR é muito baixo e a porcentagem é aplicada ao seu salário, se uma pessoa ganha 1000 reais e o PPR deu 90% ela recebem 900 reais de PPR, se o seu salário é de 10000 ela recebe 9000 reais de PPR. Banco de horas, é usado a modalidade de banco, se você trabalhar em um final de semana, feriado ou madrugada 2 horas, seu banco é adicionado com 2h. Se fizer durante a semana é a mesma coisa, ou seja, não tem diferenciação. Ambiente altamente político, para cargos de confiança, somente se tiver muitos padrinhos. Salários abaixo do praticado pelo mercado. Crescimento de carreira é extremamente complexo e aumento é muito difícil de se obter, não existem regras claras. Medição de produção cada chefia executa, sendo que umas nem executam.

    Recomenda a empresa: Sim

Informações da empresa

Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC)

Descrição:A Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) foi criada em 1950 e também é integrada pelo Serviço Social da Indústria (SESI), pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e pelo Centro das Indústrias do Estado de Santa Catarina (CIESC). Atuando com sinergia, as entidades da FIESC estão voltadas à promoção de um ambiente favorável aos negócios, à qualidade de vida e educação do industriário e ao estímulo à inovação. Mantida e administrada pelo setor industrial com os mesmos parâmetros das melhores empresas privadas, a FIESC e as entidades que a compõem são um dos alicerces da competitividade industrial catarinense.

Site