• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas
Ver entrevistas de emprego em empresas similares

Entrevistas de emprego na EY (Ernst & Young) para Analista de Recursos Humanos (RH)

Como foi a entrevista de emprego?

  • 33%

    Boa

  • 33%

    Neutra

  • 33%

    Ruim

Como conseguiu a entrevista de emprego?

  • 0%

    Agência de recrutamento

  • 33%

    Candidatou-se online

  • 66%

    Indicação

  • 0%

    Recrutador

  • 0%

    Pessoalmente

Nível de dificuldade

2.7 Neutra

Difícil (5) Neutra Fácil (1)

Cargos com mais entrevistas de emprego

Entrevistas de emprego na EY (Ernst & Young) para Analista de Recursos Humanos (RH)

3 entrevistas de emprego

remover filtros
  • Há 8 meses

    Entrevista de emprego para Analista de Recursos Humanos (RH)

    Candidato em São Paulo, SP


    • Recebi e aceitei proposta de emprego
    • Experiência negativa
    • Entrevista de emprego normal

    Candidatura: Candidatou-se por indicação. O processo seletivo durou 14 dias. Foi entrevistado na empresa EY (Ernst & Young), no mês de janeiro de 2013.

    Entrevista: Conversei na época com a Coordenadora de RH e depois com a Gerente da área. Achei o processo pouco estruturado, mas a Gerente foi transparente com relação as demandas.

  • Há 9 meses

    Entrevista de emprego para Analista de Recursos Humanos (RH)

    Candidato em São Paulo, SP


    • Recebi e aceitei proposta de emprego
    • Experiência positiva
    • Entrevista de emprego normal

    Candidatura: Candidatou-se por indicação. Foi entrevistado na empresa EY (Ernst & Young), no mês de abril de 2013.

    Entrevista: Foi um processo rápido com a recrutadora e depois com as lideranças. As perguntas são cabíveis e as entrevista leves conforme a leveza que a cultura da empresa propõe.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Questionaram com exemplos momentos em que tive que atuar com alta pressão e quais foram minhas decisões a partir dos desafios.
    R: Era entrevista para assistente, então eu tinha pouca experiência de mercado. Porém trouxe exemplos onde minhas antigas gestões tomaram decisões por pessoalidades e eu mostrei minha instisfaçao com comunicação assertiva.

    Negociação: Sim, porém não estavam abertos a ter alguma flexibilidade.

  • Há 11 meses

    Entrevista de emprego para Analista de Recursos Humanos

    Candidato em São Paulo, SP


    • Não recebi oferta
    • Experiência neutra
    • Entrevista de emprego fácil

    Candidatura: Candidatou-se online. O processo seletivo durou 7 dias. Foi entrevistado na empresa EY (Ernst & Young), no mês de maio de 2018.

    Entrevista: Entrevista prévia por telefone e entrevista presencial. A entrevista estava agendada para as 08h30, fui atendida as 09h. Não havia sala disponível para realizarmos a entrevista, com isso a recrutadora me entrevistou no lounge próximo ao café. Tiveram algumas interferências, pessoas passando e falando alto, não foi um local adequado para realizar uma entrevista de trabalho. No final da entrevista a recrutadora foi na recepcao para verificar se havia alguma sala disponível, pois precisaria preencher uma redação e ficha cadastral. Resumindo, fui embora sem preencher os documentos por falta de sala, a recrutadora pediu desculpas e informou que enviaria por e-mail os testes para preenchimento. Até hoje não recebi esses testes, enviei e-mail solicitando e não obtive resposta. Tinha uma visão e opinião de ser uma empresa muito estruturada, mas depois dessa experiência, caiu no meu conceito. No mínimo deveriam ter se organizado e agendado a sala com antecedência antes de agendar uma entrevista com o candidato.

    Perguntas na entrevista de emprego:

    P: Quais situações de conflito você vivenciou em alguma das suas experiencias profissionais e como você lidou.
    R: Relatei algumas situações.

    Recebeu Feedback?
    • Não Recebi

Informações da empresa

EY (Ernst & Young)

Descrição:A EY é líder global em auditoria, impostos, transações e consultoria. Seus 167,000 colaboradores são unidos pelos mesmos valores, os quais inspiram seus profissionais em todo o mundo e os orientam a fazer a coisa certa. A EY está empenhada em fazer a sua parte na construção de um mundo melhor trabalhando em prol da sociedade, clientes e comunidades. No Brasil, a EY integrou suas operações com a Terco, resultando na EY Terco. O objetivo da operação é conquistar a liderança no setor. Para isso, as empresas uniram suas melhores características: a forte presença da Terco no segmento de middle market e de incorporações imobiliárias e a experiência global da EY no atendimento a grandes contas e clientes multinacionais.

Site