Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Edelman Significa?

40 postagens (12 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.00
  • Remuneração e benefícios
    3.17
  • Oportunidade de carreira
    3.08
  • Cultura da empresa
    3.17
  • Qualidade de vida
    3.00

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 9 meses

    "É uma cilada, Bino."

    Executivo de ContasEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Tem apenas um ponto positivo que é o pacote de benefícios (plano de saúde, vale refeição e vale alimentação) que não são descontados do salário.

    Contras: Se você for publicitário, corra para o caminho contrário. Agência com modelo de negócio antiquado, sem líderes, sem gestão, sem processos, sem criatividade, sem qualquer projeto inovador e sem vontade de mudar. Um bom lugar pra quem quer se acomodar.

    Conselhos para presidência: Edelman Significa

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Já foi, não é mais...

    Ex-funcionário, saiu em 2012

    São Paulo, SP


    Prós: Foi uma das melhores escolas de PR do Brasil! Gestão de crise, introdução do Digital no Brasil, engajamento, relações com o governo. A gente aprendia com os melhores. Até o dia em que mudou a liderança, tudo mudou e os melhores foram saindo.

    Contras: Desde a mudança na liderança, quando os melhores profissionais foram saindo, a experiência, o talendo e a expertise também foram... E, na sequencia, os clientes.

    Conselhos para presidência: Seria muito bom ter respeitado (veja, não digo que era pra ter ouvido) a voz da experiência.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Não há transparência

    Analista Pleno

    São Paulo, SP


    Prós: Agência global com muitas oportunidades Clientes grandes Espaço para crescer, embora seja difícil e bastante demorado Ótimos profissionais no ambiente de trabalho que ajudam no crescimento da carreira.

    Contras: Embora a agência diz ter transparência, não tem. Os líderes tomam decisões sem pensar nos funcionários. O salário é baixo e as funções de trabalho não são definidas, assim, todo mundo faz um pouco de tudo. Objetivos são definido, mas mesmo os alcançando não há recompensas. Analistas não são reconhecidos

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Boa para jornalistas, não publicitários

    Ex-funcionário, saiu em 2016


    Prós: Boa infra estrutura. Happy hour, boas salas de reunião e boa localização, perto de bons restaurantes, academias e mercados. O VR oferecido pela empresa é ok.

    Contras: Boa para jornalistas, não para publicitários. Eles dizem querer ser criativos, mas isso não é praticado no dia a dia e a própria chefia na criação não é eficiente. Os funcionários costumam gritar entre si.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 2 anos

    De fora bonito, mas, dentro, um ambiente de difícil experiência

    Executivo de ContasEx-funcionário, saiu em 2015

    São Paulo, SP


    Prós: O ambiente interpessoal muitas vezes é vivaz e com boa apresentação estética. Dependendo da liderança a aprendizagem é progressiva e bem satisfatória. É possível ter contato com diferentes situações que vão aprimorar o profissional.

    Contras: Apesar de ser um agência de comunicação a cultura da empresa é extremamente corporativa e engessada. Hierarquia é uma palavra de ordem em que profissionais de níveis mais baixos se sentem quase coagidos ao silêncio. Relacionamentos gerados por interesse mútuo; bajulação extrema. O RH local tem péssima fama entre os colaboradores da empresa; sendo ríspido, rasteiro e ineficiente. Salários abaixo do mercado comparado ao reconhecimento da empresa no mercado. Chegar e sair dentro do horário pode ser mal visto por algumas áreas e diretorias. Profissionais sem inglês fluente não são bem valorizados. Cultura de meritocracia não é alta.

    Conselhos para presidência: Diretorias mais humildes. Um RH menos teatral, respeitoso e, devidamente, mais efetivo. Programas de recebimento de novos talentos para hierarquias maiores. Valorização do trabalho individual.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 2 anos

    Excelente empresa, mas falta bons líderes.

    Atendente

    São Paulo, SP


    Prós: forte investimento no profissional, rede global, trabalho remoto. bons benefícios.

    Contras: ambiente muito competitivo, falta de bons líderes. pouca integração entre as áreas.

    Conselhos para presidência: capacitar a liderança.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 3 anos

    não recomendo

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Remuneração boa em relação a outras agências de comunicação, a agência tem clientes legais e fica bem localizada

    Contras: ambiente competitivo, cultura corporativa muito ruim

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 25 dias

    Muitas regras e políticas e pouca execução

    GerenteEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: Uma empresa global que permite um amplo conhecimento de diversas culturas, e diferentes mercados de trabalho. Sempre buscando nos conhecimentos.

    Contras: Falta um bom posicionamento do RH e da diretoria, com relação as políticas internas, dar mais oportunidades internas antes de buscar no mercado.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Uma grande escola de comunicação

    Analista Pleno

    São Paulo, SP


    Prós: A Edelman é uma grande escola, como métodos e processos que incentivam o desenvolvimento dos funcionários. Clientes grandes, equipes integradas, gerência parceira, em muitos casos.

    Contras: Existe pouca consistência na cultura interna, o que gera defasagens na aplicação dos valores. Salários pouco competitivos e por vezes o enxugamento de força de trabalho é leviana.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 3 meses

    Comunicação interna entre equipes é insuficiente

    JornalistaEx-funcionário, saiu em 2017

    São Paulo, SP


    Prós: É um bom salário para o nível pleno diante algumas realidades de mercado, há benefícios, o sistema de RH é organizado e pontual. Grandes clientes. A empresa tenta ser transparente com a equipe, promovendo encontros e reportando dados de faturamento, entrada e saída de funcionários etc.

    Contras: As equipes são muito desintegradas. Até a disposição física do ambiente não ajuda. Os líderes dos times ficam distantes dos executivos em algumas equipes. O que parece ser autonomia dada ao funcionário, muitas vezes se transforma em uma insuficiente gestão, pois algumas vezes o gestor não está acompanhando o processo de trabalho do funcionário, (planilhas não são suficiente, gente!) e chega muitas vezes próximo só pra cobrar. Parece que os gestores estão muito sobrecarregados e não conseguem dispor de tempo mínimo para a comunicação com seu time. Muitos entendem isso como um fator positivo de autonomia aos plenos, mas a minha impressão é que a comunicação interna entre gestores e executivos acaba sendo atrapalhada, não eficiente, promovendo murmúrios o tempo todo. Há uma política de crescimento rápido para quem entra, e vejo que isso brilha os olhos dos cargos mais sêniors pra cima, porém acredito que há um ponto negativo nesse crescimento acelerado. A desumanização nos tratos internos e no tocante dos processos. Vi muito profissional em cargo sênior com paciência -0 em nossas comunicações, sendo que os funcionários de cargos abaixo são parceiros de toda a engrenagem da grande máquina que é a agência. Se o funcionário merece ampla autonomia, merece também ser escutado efetivamente.

    Conselhos para presidência: Promova treinamentos, cursos de gestão mais humanizada. A empresa possui grandes clientes mas precisa se atualizar com a tendência lá fora que é criar uma forma menos voraz nas estruturas internas de trabalho. Ainda que o ritmo de agência seja esse, acredito que pequenos ajustes na comunicação e na forma de estimular o crescimento na empresa possa tornar a agência mais em ressonância com as tendências do mundo atual.

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Edelman Significa

Descrição:A Edelman Significa é uma agência especializada em engajamento para construção de marcas, decorrente da integração, no Brasil, da Edelman, a maior empresa independente de Relações Públicas do mundo, com a Significa, agência brasileira pioneira em estratégias de causas e conteúdos para marcas. A agência possui 150 profissionais em São Paulo e Rio de Janeiro e tem representação em Brasília. Seus serviços integram conceitos e práticas de Relações Públicas, potencializada pelas áreas especializadas de Branding e Atitude de Marca, Digital, Experiência de Marca e Pesquisa. A Edelman tem 67 escritórios, mais de 5.000 colaboradores no mundo e escritórios afiliados em 35 cidades.

Site

RH: quer atrair bons talentos?