Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares
Defensoria Pública Geral do Estado do Rio de Janeiro logo

Defensoria Pública Geral do Estado do Rio de Janeiro

3.72

Como é trabalhar na Defensoria Pública Geral do Estado do Rio de Janeiro?

40 postagens (18 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

3.72
  • Remuneração e benefícios
    2.06
  • Oportunidade de carreira
    2.59
  • Cultura da empresa
    3.65
  • Qualidade de vida
    3.65

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há aproximadamente 2 anos

    Funcionário


    Prós: O ambiente e os colegas com quem trabalho minimizam a decepção com o orgao..

    Contras: A instituição não valoriza ou incentiva seus servidores.

  • Há 3 meses

    Carga horária razoável

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2016

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: As horas de trabalho não são abusivas. Uma boa opção para um primeiro primeiro estágio, porém é preciso ter em mente que grande parte do trabalho envolve lidar com assistidos, o que requer alguma vocação para um aspecto social.

    Contras: Não é certo se o ambiente de trabalho será propício ao aprendizado ou não. Isso depende de quem será seu chefe. No meu caso, achei o atendimento desorganizado e com muitas tarefas administrativas e mecânicas.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 6 meses

    Servidor da Defensoria Pública

    Técnico Médio de Defensoria Pública


    Prós: Estabilidade no emprego e sensação de poder ajudar o próximo, diria em poucas palavras que saber que o seu ganha pão é ajuda o outro, alivia as frustrações do dia-a-dia do funcionário.

    Contras: A instituição apenas beneficia aos Defensores Públicos, servidores e estagiários são reservados à segunda categoria. Mais especificamente aos servidores recebemos os piores salários da estrutura judiciária, além de não temos planos de saúde e nem auxílio saúde. Os auxílios refeição/alimentação e transporte segue a mesma lógica da remuneração: as piores de toda a estrutura do judiciário. A única coisa que aumenta é o trabalho, já que a rotatividade de servidores é grande, já que não há reconhecimento e nem valorização.

    Conselhos para presidência: Pensar em estruturação da Defensoria Pública é pensar em valorização do pessoal do quadro de apoio, prestamos um serviço de alta qualidade aos assistidos e aos defensores, mas não somos reconhecidos.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 1 ano

    Não me ajudou na inserção no mercado de trabalho.

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2001

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: O estagiário tem total acompanhamento do Defensor Publico Titular.Sendo orientado tanto com relacao a melhor doutrina e jurisprudencia. Pode escolher onde prefere ficar lotado.

    Contras: Não é remunerado, pelo menos não era em 2001. Entretanto é bastante exaustivo. Porque atende-se grande número de pessoas. Não existia qualquer tipo de compensação financeira, ou auxílio de passagem e ou alimentação.

    Conselhos para presidência: Focar na organização e gerenciamento dos processos .

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 2 anos

    Salários desestimulante

    Técnico

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Aprendizado jurídico e relações pessoais.

    Contras: Baixo salário e infraestrutura precária

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 27 dias

    Ótimo local para aprender

    Comissionado

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Excelente ambiente para crescimento profissional, aprendizado constante e facilidade para que os funcionários se familiarizem com o importante trabalho exercido. Ótimo estrutura.

    Contras: No caso do cargo comissionado, verifica-se a impossibilidade de crescimento e estagnação do salário, que não sofre reajustes. Ademais, a jornada de trabalho é incompatível com a remuneração.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 7 meses

    Dpgerj

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2016

    Niterói, RJ


    Prós: É um ótimo local para se iniciar no mundo jurídico. A convivência é muito boa, além de ser um ótimo lugar para se aprender e adquirir experiência.

    Contras: O salário sem dúvidas é a pior parte. Além de ser pouco, não há nenhuma ajuda com VT/VA. Por isso é um ótimo local para aprendizado e depois disso, arrumar algo melhor.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 7 meses

    ótima oportunidade apesar de tudo.

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2015

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Excelente aprendizado para estudantes, ótimas pessoas com quem trabalhar, trabalho que dá uma satisfação pessoal em ajudar quem precisar de assistência.

    Contras: Péssimo salário, baixo reconhecimento, pouca instrução por parte do defensor,. Muitas vezes nós trabalhávamos muito mais que os concursados. Quem fazia o trabalho em 99% dos casos era o estagiário.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 8 meses

    Dpbe

    Assistente Jurídico

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: A defensoria pública é fundamental no Estado Democrático de Direito. A instituição é um local de muito aprendizado e troca de experiências...

    Contras: A instituição peca ao valorizar seus profissionais de base... não há plano de cargos e salários e melhoria nos benefícios.. a única coisa que possui crescimento é a quantidade de trabalho...

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há mais de 1 ano

    Boa oportunidade de aprendizado, porém mal remunerada.

    Estagiário

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: Possibilidade de aprendizado e contato com a prática jurídica. Defensor muito solícito e disposto a ensinar. Ambiente de trabalho agradável.

    Contras: Burocracia para assinatura do contrato de estágio (ficando os estagiários como voluntários e sem direito a bolsa por muito tempo), problemas nos equipamentos e infraestrutura, bolsa muito aquém do mercado.

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Defensoria Pública Geral do Estado do Rio de Janeiro

Descrição:A Defensoria Pública é o órgão estatal que cumpre o DEVER CONSTITUCIONAL DO ESTADO de prestar assistência jurídica integral e gratuita à população que não tenha condições financeiras de pagar as despesas destes serviços.

Site

RH: quer atrair bons talentos?