Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (CRECI/SP)

2.67

Como é trabalhar na Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (CRECI/SP)?

9 postagens (3 avaliações nos últimos 12 meses)


Satisfação geral dos funcionários

2.67
  • Remuneração e benefícios
    2.67
  • Oportunidade de carreira
    2.33
  • Cultura da empresa
    1.67
  • Qualidade de vida
    2.33

Recomendam a empresa a um amigo



  • Há 4 meses

    Mais profissionalismo e menos politicagem

    Ex-funcionário, saiu em 2016

    São Paulo, SP


    Prós: Certa estabilidade e ambiente agradável em alguns setores e trabalho sem muita exigência cognitiva estando de acordo com a remuneração que é oferecida

    Contras: Lugar onde há pouco ou nenhuma valorização pelos funcionários Concursados e em contra partida oa cargos de comissão repletos de pessoas sem capacidade técnica.

    Conselhos para presidência: Deixe a coisas fluírem e peça pra sair

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 2 anos

    Ver para crer

    Funcionário


    Prós: Não há muitos, mas amizade é o ponto forte apenas.

    Contras: Falta de reconhecimento. Falta de organização. Falta de planejamento.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há 27 dias

    Boa estrutura porém baixos salários

    Profissional de Suporte Administrativo

    São Paulo, SP


    Prós: Boa estrutura de trabalho e convênios com restaurantes locais, além de o trabalho não ser sobrecarregado sobre nenhun funcionário. Os benefícios também são um ponto positivo.

    Contras: Salário baixo, tendo em vista que é necessário prestar concurso público para ingresso no órgão deveria ser maior. Pelo fato de ser por concurso, a falta de estabilidade também é um ponto negativo, tendo em vista que a contratação é feita pela CLT.

    Conselhos para presidência: Recomendo a obrigatoriedade de concurso a todos os funcionários do conselho para poder ser possível gerar estabilidade constitucional do servidor. Recomendo também aumento nos salários de uma maneira geral, tendo em vista que é necessário participar de seleção pública para ingresso.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há 7 meses

    Vale por um pequeno tempo, só para não ficar desempregado.

    Técnico em Sistemas Eletrônicos

    Barueri, SP


    Prós: Dependendo do setor/área que o funcionário for trabalhar pode até ser razoável, tudo vai depender da chefia que ele for subordinado, é claro. Se der sorte do seu "chefe" for com a sua cara, tudo bem, caso contrário terá sérios problemas.

    Contras: Tudo muito político, muitos funcionários incompetentes em postos de chefia e/ou comando, que só estão lá não por competência, mas por puro puxa-saquismo de alguém da presidência ou da gerência. Processos demasiadamente engessados, tudo muito burocrático, o presidente não delega nada às "chefias" que são meramente figurativas, um outro ponto que há de ressaltar é o baixo salário e benefícios comparados com outros conselhos profissionais. Não há política de compensação de horários, não há flexibilidade nenhuma neste sentido, mais parece uma indústria da época da Revolução Industrial, por exemplo, se há um feriado em uma quinta-feira, o CRECI trabalha normalmente na sexta-feira, o que gera uma grande frustração e desmotivação nos funcionários. Não se trata de não querer trabalhar mas sim que houvesse um meio inteligente e racional de compensação que qualquer empresa "fundo de quintal" possui. Não tem nenhum tipo de incentivo para quem é estudante, literalmente falando.

    Conselhos para presidência: Que delegasse de fato competência para as chefias, assim como que houvesse um meio de compensação de horários e flexibilidade de horários de entrada e saída, principalmente para quem estuda.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há aproximadamente 1 ano

    Qualidade de vida, com menos

    Estagiário

    São Paulo, SP


    Prós: Próximo ao centro de São Paulo e possui um ambiente interno agradável. O que mais me chamou atenção foi a organização do escritório e os funcionários, que proativamente ajudam os mais novos no que necessitam.

    Contras: Os processos internos são muito extensos e com o tempo tornam-se monótonos. Por ser um orgão federal, para mudar um processo leva-se muito tempo. A bolsa auxilio é um pouco abaixo do que é praticado no mercado.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há aproximadamente 1 ano

    Boa empresa

    Funcionário

    São Paulo, SP


    Prós: A empresa é uma empresa que tem um ambiente organizacional super tranquilo Gosto de Fazer o que faço e as pessoas são muito atenciosas umas com as outras.

    Contras: O Creci são paulo é uma empresa rigida em alguns aspectos que acredito ser desnecessário e os salários são muito baixos, além de o plano de carreira ser injusto.

    Conselhos para presidência: Pagar fretado para todos os funcionários que necessitem e não somente para a chefia.

    Recomenda a empresa: Sim

  • Há quase 2 anos

    Dependendo do cargo, pode valer à pena por um tempo

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Foi uma boa experiência, afinal de contas. Aprendi muita coisa com os erros dos outros.

    Contras: Decisões ruins da presidência e alguns chefes de departamento e setor com baixa competência. Muitos entram por indicação, mas não possuem o conhecimento necessário.

    Conselhos para presidência: Delegar melhor as tarefas e descentralizar as decisões. A presidência acaba tomando parte em problemas que não cabem a ela e tomando decisões errôneas que só enfraquecem os resultados.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há quase 2 anos

    Dependendo do cargo, pode valer à pena por um tempo

    EstagiárioEx-funcionário, saiu em 2014

    São Paulo, SP


    Prós: Foi uma boa experiência, afinal de contas. Aprendi muita coisa com os erros dos outros.

    Contras: Decisões ruins da presidência e alguns chefes de departamento e setor com baixa competência. Muitos entram por indicação, mas não possuem o conhecimento necessário.

    Conselhos para presidência: Delegar melhor as tarefas e descentralizar as decisões. A presidência acaba tomando parte em problemas que não cabem a ela e tomando decisões errôneas que só enfraquecem os resultados.

    Recomenda a empresa: Não

  • Há mais de 2 anos

    logico

    Agente de Fiscalização

    São Paulo, SP


    Prós: Companheirismo dos colegas de trabalho.

    Contras: Poder centralizador do presidente deixando os chefes de departamento e de setores sem muito o que fazer.

    Conselhos para presidência: Delegar

    Recomenda a empresa: Sim


Informações da empresa

Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (CRECI/SP)
RH: quer atrair bons talentos?