Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Cencosud?

Ver todas as avaliações

  • Há mais de 3 anos

    Enquanto a Empresa era Prezunic era muito boa, depois que virou Cencosud já não podia falar o mesmo.

    Ex-funcionário, saiu em 2014

    Rio de Janeiro, RJ


    Prós: A empresa quando ela foi comprada pela Cencosud, desceu muito de patamar, produtos de boas qualidades sairam da área de vendas, clientes insatisfeitos, até as lojas ficaram mais sujas, quando era com o Prezunic havia detetização de 3 em 3 meses, banheiro de funcionários vivia cheio de baratinhas, alias em todos os lugares...
    Fora que a gente trabalhava o domingo satisfeito, pois trabalhavamos com horas extras, depois que a Cencosud entrou virou banco de hs, que por sinal só viviamos devendo hs...
    Foi esses e inúmeros fatores que fizeram para que eu me desmotivasse a ficar na empresa.

    Contras: Melhores qualidades dos produtos!
    Uniformes melhores.
    Ar condicionado funcionando no verão.

    Conselhos para presidência: Ouvir mais os funcionários, principalmente os de baixo escalão, porque existem fiscais arrogantes e gerentes soberbos dentro desta empresa.

    Recomenda a empresa: Sim

Informações da empresa

Cencosud

Descrição:A Cencosud é um dos principais grupos do mercado varejista latinoamericano. Com operações na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia e no Peru, e com um escritório comercial na China, o grupo tem mais de 30 anos de atuação e permanece em pleno desenvolvimento, conquistando novos mercados e clientes a cada dia. Tendo à frente o presidente e fundador Horst Paulmann, a Cencosud emprega diretamente mais de 140.000 pessoas em mais de 940 estabelecimentos comerciais, entre super e hipermercados, lojas de materiais de construção, shopping centers, lojas de departamento, entre outros formatos do varejo. No Brasil, além do GBarbosa, a Cencosud adquiriu as bandeiras Mercantil Rodrigues, Perini, Bretas e Prezunic, e hoje conta com mais de 360 estabelecimentos distribuídos em oito estados.

Site

RH: quer atrair bons talentos?