Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Caixa Econômica Federal?

Ver todas as avaliações

  • Há mais de 2 anos

    Funcionário


    Prós: - Benefícios
    - Estabilidade
    - Diversas áreas e relativa facilidade de crescimento

    Contras: - Baixos salários para cargos de alto risco e carga excessiva de trabalho
    - TI péssima e mal gerida, causando diversos problemas em todo o fluxo de trabalho
    - Modelos de gestão e trabalho engessados e quadrados, dignos de repartição pública e nada compatíveis com o século XXI, cheios de burocracia e pouco eficientes.
    - Carga de trabalho e stress altíssimos em agências.
    - Má gestão de talentos e força de trabalho.
    - Gestores mal preparados e, no caso de agências, sem curso superior como requisito mínimo.
    - A direção da empresa por vezes parece não ter a mínima noção do que se passa na rede de atendimento, com implementação de modelos que não funcionam de imediato e precisam ser adaptados ou totalmente descartados após algum tempo.
    - Plano médico co-participado, no entanto deixa a desejar em número de credenciados e procedimentos.
    - Sensação de que a empresa apenas melhora algumas condições ao funcionario (raramente) porque se vê obrigada ou por ter interesses por trás de tal decisão

    Conselhos para presidência: Conheçam melhor a rede, busquem motivar os funcionários, sem interesses, e sim pois os querem mais felizes e saudáveis.

Informações da empresa

Caixa Econômica Federal

Descrição:A Caixa Econômica Federal foi criada em 1861 e, desde então, é o principal agente de políticas públicas do governo federal. É uma empresa 100% pública que atende não apenas clientes bancários, mas todos os trabalhadores formais do Brasil por meio do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), do Programa de Integração Social (PIS), do Seguro-Desemprego, de programas sociais, além de usuários das unidades lotéricas. Maior banco público da América Latina, a CAIXA conta com uma ampla rede de atendimento que marca presença em todas as regiões brasileiras. São mais de 36,2 mil unidades, que chegam a 5 mil e 467 municípios, e mais de 6 mil unidades próprias, entre agências, postos e salas de autoatendimento, além de aproximadamente 29 mil correspondentes bancários, entre lotéricas e postos CAIXA AQUI.

Site

RH: quer atrair bons talentos?