Love Mondays


Ver avaliações para empresas similares

Como é trabalhar na Bosch?

Ver todas as avaliações

  • Há quase 4 anos

    Gato por lebre

    Analista

    Campinas, SP


    Prós: A empresa como instituição tem um cultura maravilhosa e as ações realizadas pelo Instituto Robert Bosch são ou deveriam ser motivos de orgulho para os funcionários.
    A remuneração é boa e existe uma abertura muito grande para se trabalhar em outros países.

    Contras: Apesar de a cultura da empresa ser sólida e as políticas estarem se flexibilizando no papel, na prática o RH permite que cada gestor faça o que bem entenda, gerando um tremendo descolamento entre o que a empresa oferece e o que o chefe permite. As regras são muitas e muito claras, mas na prática não existe nada nem ninguém que proteja o funcionário de um chefe ruim.
    O profissionalismo também não é incentivado em alguns setores e, muitas vezes, as pessoas fazem algo se gostam ou não de quem está pedindo, não por que é necessário. A velha "camaradagem" é essencial mesmo para conseguir a mais básica colaboração.
    Outro ponto importante é a cultura de burocracia e a importância quase militar dada à hierarquia. Não existe autonomia real e tudo sempre depende de alguém um ou dois níveis acima.

    Conselhos para presidência: A cultura, os valores e o espírito Bosch são espetaculares! Criem políticas de RH que visem a formação de LÍDERES, não de CHEFES pois esse tempo já passou. Criem mecanismos para avaliar a real satisfação dos funcionários com a gestão pois o funcionário sufocado não consegue exercer a plenitude da sua capacidade. Vocês, em princípio, já valorizam seus colaboradores, mas é preciso garantir que isso seja aplicado na prática.

    Recomenda a empresa: Não

Informações da empresa

Bosch

Descrição:A história de sucesso da Bosch no Brasil iniciou-se em 1954 na cidade de São Paulo. Atualmente o Grupo Bosch emprega no país cerca de 8.900 colaboradores e registrou, em 2015, um faturamento líquido de R$ 4.7 bilhões com a oferta de produtos e serviços automotivos para montadoras e para o mercado de reposição, bem como ferramentas elétricas, sistemas de segurança, termotecnologia, máquinas de embalagem e tecnologias industriais. As operações do grupo na América Latina empregam cerca de 10.300 colaboradores que contribuíram para gerar um faturamento de R$ 6 bilhões, incluindo as exportações e vendas das empresas coligadas.

O Grupo Bosch é um líder mundial no fornecimento de tecnologia e serviços. A empresa emprega mais de 375.000 colaboradores em todo o mundo (posição de 31.12.2015). A empresa gerou vendas de 70 bilhões de Euros em 2015. As operações do Grupo estão divididas em quatro setores de negócio: Soluções para Mobilidade, Tecnologia Industrial, Bens de Consumo e Energia e Tecnologia Predial. O Grupo Bosch é composto pela Robert Bosch GmbH e cerca de 440 subsidiárias e empresas regionais presentes em aproximadamente 60 países. Incluindo os representantes de vendas e serviços, a Bosch está presente em cerca de 150 países. A base para o crescimento futuro da organização é sua força inovadora. A Bosch emprega 55.800 colaboradores na área de pesquisa e desenvolvimento em 118 localidades em todo o mundo. O objetivo estratégico do Grupo Bosch é entregar inovações para uma vida conectada. A Bosch melhora a qualidade de vida em todo o mundo com produtos e serviços inovadores e concebidos para fascinar. Assim a empresa cria "Tecnologia para a Vida".

Site

RH: quer atrair bons talentos?