• Empresas
  • Salários
  • Entrevistas
  • Vagas

Salários de Administrador

Empresa Salário Localização
Cargill's - Administrador R$ 998 Brasil
Nipônica Toyota - Administrador R$ 998 Brasil
Pensão Europa - Administrador R$ 988 Brasil
Prefeitura Municipal de Itararé - Administrador R$ 978 Brasil
Seu Carro PE - Administrador R$ 978 Brasil
EROMA - Administrador R$ 969 Brasil
Instituto Ambiental do Paraná (IAP) - Administrador R$ 969 Brasil
FB Distribuidora - Administrador R$ 966 Brasil
Impacto Imagens - Administrador R$ 965 Brasil
PPG Industries - Administrador R$ 963 Brasil
Último salário postado - 25/05/2019
Ver salários publicados:

Salário médio bruto

1916 Postados

R$ 4.803/mensal

min. máx.

R$ 412 R$ 40.000

Gráfico de variação salarial

Buscas Relacionadas: Administrador de Redes Administrador de Sistemas Administrador de Contratos Administrador de Redes Pleno

Quanto um Administrador ganha?

O salário médio para Administrador é de R$ 4.803/mensal. O salário pode variar de R$ 412 a R$ 40.000. Esta estimativa salarial tem base em 1916 salário(s) postados por funcionário(s) no Love Mondays para este cargo.

O que um Administrador faz?

Um administrador é o profissional responsável por organizar, planejar e orientar o uso de recursos financeiros, tecnológicos, físicos e humanos das empresas. Além de buscar soluções para os problemas administrativos, ele planeja atividades, gere o funcionamento de diversas áreas das empresas, evita falhas de comunicação e gastos desnecessários e garante a circulação de informações e orientações. Um administrador pode exercer cargos de analista, gerente, coordenador, diretor, atuar em pesquisa, desenvolvimento e consultoria.

1511 - 1520 de 1.525 empresas

1511 - 1520 de 1.525 empresas

Cargos Média Salarial
Saiba mais
* Valores de salários são aproximados, em valores brutos e incluem somente remuneração fixa. Todos dados são postados por usuários do Love Mondays, sendo que as empresas não necessariamente endossam ou concordam com os valores aqui mostrados. Salários postados há mais de 4 anos não são publicados e os demais são corrigidos conforme inflação anual.